quinta-feira, 18 de junho de 2015

ORGIA TELEPÁTICA


Se você não está acompanhando a série "Sense8", ou sequer assina o Netflix, eu vou ser suuuper legal e compartilhar a melhor cena da TV deste ano, pelo menos até agora (duvido que algo ultrapasse, até porque a temporada de "Game of Thrones" já acabou). Sim, é uma suruba entre homem hétero, homem gay, mulher hétero e mulher trans lésbica, um sonho de consumo. E eles nem estão no mesmo lugar: cada um no seu continente, trepando só com a força do pensamento. Falo mais sobre "Sense8" na minha coluna de hoje no F5: acho que matei a charada, que aliás nem chega bem a sê-lo. Você concorda?

30 comentários:

  1. Faltou o Capheus nesta cena - certamente teria feito a temperatura subir muito!

    ResponderExcluir
  2. Sense8 ta de parabéns, Netflix tá de parabéns... Adorei a série

    ResponderExcluir
  3. Que série maravilhosa. A cena de What's Up tb é digna de nota - esplêndida!!!

    ResponderExcluir
  4. O melhor de tudo é que não foi uma cena de sexo gratuita. Foi sexy sem ser vulgar. Muito amor por essa série! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles conseguiram uma proeza: fazer algo quase pornô mas com tanta beleza!

      Excluir
    2. Vdd, Felipe. Obra-prima da tv/internet.

      Excluir
  5. Netflix é um game changer do entretenimento com certeza.

    ResponderExcluir
  6. Não é a melhor cena da TV este ano, é a melhor série de TV deste ano! Dor no coração de esperar 1 ano pra 2ª temporada. Que é de link da sua coluna no F5 que não achei?

    ResponderExcluir
  7. Acabei de reler e ver que é na próxima coluna, sorry!

    ResponderExcluir
  8. Já te falei que amo o NetFlix? :D

    ResponderExcluir
  9. O mio babbino caro
    É.
    E meu amor lá em casa,"beijo e casamos".

    ResponderExcluir
  10. E com essa música MARAVILHOSA <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eh macy gray, qual o nome da musica

      Excluir
    2. Demons. Ta aqui ó https://www.youtube.com/watch?v=dins1tqcoAw

      Excluir
  11. Não tem uma pessoa que não comente desta cena. Mas a cena é, como já citou o Luiz, sexy sem ser vulgar.
    E parece ser um sucesso estrondoso, tá na boca de todo mundo no mundo todo!
    Aliás, o final do décimo episódio é maravilhoso!

    ResponderExcluir
  12. Já pensaram o que Malafaia, Feliciano e cia acham da Netflix? Se o inocuo comercial do O Boticario causou toda aquela celeuma, que dirá essa benção que tem Orange is The New Black, Sense8, Rupaul's Drag Race e uma sessão inteira dedicada aos LGBT? Acho que a tradicional família brasileira se pulveriza em purpurina se assistir à programação por 24h. Quando a ditadura gayzista for implantada de vez no Brasil, espero que a Netflix seja o único canal aberto disponível.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que nada. O diabo sabe pra quem aparece. Esses caras só atacam que eles supõem que seja páreo.

      Excluir
  13. Tony, é verdade que O Boticario teve um aumento de 3% nas vendas no dia dos namorados?

    ResponderExcluir
  14. KKKKK AMO quando as guei usam o termo "VULGAR", é só botar uma musiqueta boa, umas câmeras lentas, uns ator bonito, e pronto, já não é "vulgar". É arte. KKKK. É a melhor cena, é a melhor série. Quero ver as guei fazendo orgia com trava e mulher hetero no meio. Vão todas enojar e ficar de pau mole.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehehe. Excelente!

      Mas mulher baixa pau até de hetero, quem dirá de bichas!

      Excluir
    2. Amarguinha do meu coração, vossa mercê com certeza só assiste às grandes óperas no Scalla de Milao, né? Pra você com seu senso estético apuradíssimo nem Broadway serve por ser muito comercial e feito pras grandes massas, não é mesmo? Para com isso miguxa, isso é magoa de cabocla porque não tem como assistir Netflix no seu smartphone do camelô da 25 com sua internet de 10mb por dia. Beijos e não esquece de pagar o carnê das Casas Bahia, ok?

      Excluir
    3. Não ter atração o suficiente pra poder transar com mulheres transexuais ou cis não me impede de achar a cena bonita. Esqueceu de tomar simancol, darling. Vai correndo tomar, pra não passar vergonha na internet, mesmo que anonimamente.

      Excluir
    4. KKKK AMO quando alguém tem a AUDÁCIA de não gostar de algo que as guei amam (tipo a teenolder Madonna), e as guei acham que é alguém que usa celular pobrinho com 3G barato. No mundico de mentirinha delas, as guei rica todas gostam das mesmas merdas, quem desafina é amarga AND pobre. KKKK podiam fazer mestrado e doutorado explicando melhor essa teoria.
      Luiz, o foco (apesar da brincadeira) não era a orgia e quem estava nela, mas o fato de que algumas guei usarem o termo VULGAR e ao mesmo tempo ficarem molhadinhas com uma cena de orgia. É um jeito de ver as coisas digno dos evangélicos que as guei tanto criticam. Ou melhor, pra usar um termo que as guei de esquerda amam: é a gourmetização da orgia. Bota musica trendy, bota ator bonito, bota transsex, que a orgia fica vanguarda. Mesmo que lá no dungeon da República que a guei vai a orgia seja mais podrão mesmo.
      E pras guei que ficam machucadas com quem ri do que elas gostam, quem sabe ler uma crítica mais elaborada não as faça mais deprimidas ainda, fica-a-dica no link:
      http://veja.abril.com.br/blog/temporadas/opiniao/opiniao-sense8-primeira-temporada/#comments

      Excluir
    5. Miga, a crítica da Veja é a mais elaborada pra você? Assim fica impossível te defender, lindona!

      Excluir
    6. Voce leu o artigo? A crítica destroi - com citações - a série rasa e repetida de sense8.

      Mas realmente, se a mulher fosse digna (por isso ser tão negativa) não estaria trabalhando para a Veja que chamou Marcelo Tenório - o primeiro gay a ganhar um asilo por perseguição de orientação sexual nos EUA - de MENTIROSO na época.

      Não é sem motivo que tem ONZE ***11*** folhinhas na árvore do seu "inocente" logo!

      Excluir
  15. Gente, eu tenho preguiça mortal dessa série; estou quase acabando, sempre tentando mais um episódio para ver se alguma coisa acontece, mas é sempre a mesma coisa: a mãezinha que precisa de remédio, a mágoa do pai milionário corrputo, o galã arrancado do armário..... parece uma mistura de Matrix com Glee.

    Ah, e a melhor cena do ano é o musical "Peeno Noir " que o Titus faz em "Kimmy". :)

    ResponderExcluir
  16. Vc está louca, querida. [/edu jorge] Ao dizer que "Cloud Atlas" era uma bagunça. Pode ser um pouco confuso por causa das histórias intercaladas, mas eu consegui entender perfeitamente. É um dos melhores filmes que eu já vi na vida. Top 5.

    ResponderExcluir
  17. sobre o que esta serie

    ResponderExcluir
  18. Cara isso é novela das nove pura!!!
    Brincando!
    Eu preciso ver essa série, só vejo escreverem sobre ela (sim, escreverem, na web, porque ouvir falar aqui nesta província onde moro duvido alguém falar. Falar bem pelo menos), mas não tive tempo ainda.
    Tony você já assistiu o filme Free Fall? É sobre um tórrido romance entre dois policiais alemães e é considerado por muitos a versão alemã de Brokeback Mountain. O loiro que aparece em destaque na banheira é um dos protagonistas. Delícia...

    ResponderExcluir
  19. Que nojo!!!! Esse monte de racha no meio da cena...deixa a coisa totalmente brilhante!!! ECA...mulher e um troço nojento!

    ResponderExcluir