quarta-feira, 15 de abril de 2015

ELA QUICA, ELA PARA, REBOLA, ELA TRAVA, ELA ABRE, ELA FECHA...

"Na Ponta Ela Fica" não sai da minha cabeça há dois dias. Jugez-moi.

38 comentários:

  1. não é porque é funk que vai ser ruim, não gostei, prefiro show das poderosas

    ResponderExcluir
  2. Tentei ouvir. Meus ouvidos sangraram.

    ResponderExcluir
  3. Shirley Rose (Petista Convicta)16 de abril de 2015 00:42

    O nome disso é inclusão desse povo brasileiro! Antes havia meninos descalços; hoje até a Sony os quer. Melhor do que muita coisa da terra do companheiro Obama.

    ResponderExcluir
  4. O garoto não tem nem pentelho, vai ficar cantando putaria?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esses manos da quebrada começam a meteção cedo.

      Excluir
    2. Se você tiver, melhor tirá-los. Questão de higiene.

      Excluir
  5. E sobre a travesti Veronica, espancada pela policia e com a conivencia da Coordenadoria de Diversidade Sexual ? Estao todos indignados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não manjo muito do universo dos travestis, e este caso da Veronica ainda está meio mal contado. Não me sinto autorizado a emitir qualquer opinião a respeito. Mas claro que condeno a violência e a humilhação a que ela foi submetida.

      Excluir
    2. Tony, o universo das travestis (no feminino) mora ao lado. Wake up.

      Excluir
    3. Travesti sempre foi palavra masculina. Vem do francês "travesti", que quer dizer "travestido" - um homem vestido de mulher. Se fosse uma mulher vestida de homem, a grafia seria "travestie" (com a mesma pronúncia - peculiaridades do francês).

      De uns tempos para cá, estabeleceu-se que travesti é palavra feminina em português. OK, beleza, mas eu ainda sigo a regra antiga. Sou velho.

      E desculpe, para mim este universo ainda não faz parte do meu dia a dia. Conheço pouco e, repito, não me sinto autorizado a opinar.

      Excluir
    4. Justificativa e resposta mediocres ("vou usar a regra velha porque sou velha") que servem basicamente apenas como reafirmarcao do que todo mundo q te acompanha aqui pelo blog ja sabe: vc so relativiza quando quer, ainda que exista uma boa razao pra isso. Nao faz sentido pra mim que sou seu leitor ha tanto tempo ler que vc nao se sente auorizado a opinar sobre "um universo que nao faz parte do seu dia a dia", como se estivesse imprimindo a necessidade de ser especialiasta nesse tema ou ser amigo intimo de uma travesti pra emitir uma singela opiniao. Ou vc e profundo conhecedor de todos os temas os quais vc trata aqui no blog? enho certeza q vc escreve sobre assuntos muito mais aleatorios que esse, ainda que nao pareca... Essa historia realmente nao foi bem contada mas eu achei curioso nao ler nada aqui inclsuive pq esse tema de agressao as travestis (é pedir demais usar a palavra feminina?) vem sendo super calcado na midia nos ultimos tempos e teoricamente se vc como formador de opiniao atrves do blog e do site da folha se propusesse a debate-lo ampliaria muito mais a questao da homo e da trasnfobia alem do nosso meio.

      Excluir
    5. Anônimo, eu criei o blog para escrever o que eu bem quisesse, sem a interferência de ninguém. Nem dos leitores. Aqui só eu apito.

      Já falei de trans algumas vezes, mas não tenho initmidade com o assunto. Assim como não tenho com vôlei, agricultura da cana de açúcar ou física quântica.

      Em outras palavras:

      Não. Estou. Disposta.

      Com licença.

      Excluir
    6. Tony, colocar o termo travesti como feminino significa reconhecer a forma como a travesti quer ser tratada; como uma figura feminina (ou talvez predominantemente feminina). Afora isso, há muitas mentiras na etimologia (como "crioulo" derivar do francês, o que é falso; deriva de "criado", no sentido de mucamo, do português). Francês é outra língua, com outras regras e, inclusive, com gêneros que diferem, como sabidamente ocorre com diversas palavras, inclusive o "mar". Dane-se o francês.

      Se você está seguindo a linha antiga, está sendo tão discriminatório quanto quem acha que gay é aberração, antinatural e que a palavra "casal" se utiliza apenas para homem e mulher. O preconceito contra o diferente é o mesmo.

      Sinceramente, enormemente decepcionado.

      Excluir
    7. I DON'T FUCKIN' BELIEVE que estamos tendo essa discussão.

      Meu blog não é delegacia de polícia. Não tenho a obrigação de cobrir cada injustiça que acontece no mundo LGBT.

      Falo "o" travesti por força do hábito, assim como falo "a" drag queen ou "a" transexual (se for um homem que transicionou para mulher).

      Sou o primeiro a reconhecer que, em se tratando de gênero, cada um escolhe o seu. E também sou super a favor da identidade social, com documentos indicando o gênero que a pessoa quiser. Minha amiga Bianca Soares mudou o RG para este nome e gênero, e eu adorei.

      Agora, PARA de extrapolar que, só porque eu ainda fala "o" travesti, então eu sou um boçal da idade da pedra. Acho que, se você lê meu blog, deu para perceber que não sou.

      Eu pedi para ser julgado por meu gosto pelo funk, e no entanto... snif.

      Excluir
    8. Já vi de tudo nessa vida, principalmente pessoas sendo atacadas ou amadas por suas opiniões, mas é a 1a vez que vejo alguém decepcionar por não emitir uma opinião, principalmente quando essa não é sua obrigação (seria de um governador, de um secretário de justiça, de um delegado etc). Mesmo que o blogueiro seja considerado um militante, isso não o obriga a ter que emitir uma opinião, ainda mais se ele mesmo já declarou que não está muito bem informado sobre o incidente.

      Excluir
    9. Anônimo: tem obrigação jurídica e obrigação moral. O Tony é moralmente obrigado a ao menos demonstrar sua compaixão por Veronica.

      Excluir
    10. Obrigação moral, vá lá -me acho que já demonstrei essa compaixão - mas jurídica? Oi?

      Ah, e o funk, hein, gentem?

      Excluir
    11. Triste a sua indiferença por esse caso da Veronica, Tony. Tambem esta sendo decepcionante notar o nível de transfobia de varios gays ante essa noticia. Afirmam que ela mereceu apanhar, que travestis sao violentas, que Nao Sao Veronica... Lamentável.

      Excluir
    12. Senhor, dai-me paciência.

      Ohmmmm...

      Serenity now!

      Excluir
    13. Deve ter baixado uma versão trans da Lola daquele blog de mulheres lá.

      Excluir
    14. http://noticias.r7.com/sao-paulo/eu-abri-a-porta-e-ela-disse-que-ia-me-matar-diz-idosa-agredida-por-travesti-em-sao-paulo-19042015

      E AGORA??????
      MIGA, REALMENTE, ASSIM FICA DIFICIL TE DEFENDER!

      Excluir
    15. Um erro não justifica outro. Não estamos na Mesopotâmia.

      Obrigado.

      Excluir
  6. Se fosse do Pharrell com o Snoop Dogg tava no topo da Billboard e ia ganhar Grammy.

    ResponderExcluir
  7. Duvide-o-dó que isso ai q vcc disse sobre escrever sem se importar com a opiniao dos seus leitores seja verdade! De outra maneira, vc simplesmente teria ignorado o meu comentario... Eu sei que nao e verdade. =) E ja te falei alguma vez, adorto a forma q vc escreve, e adoraria ser capaz de manter um blog dessa qualidade tb, o unico q faco questao de ler os comentarios! Pessoalmente nao consigo ficar sem passar aqui pq pra mim significa um canal de contato com as noticias mais relevantes do brasil (moro no exterior), e essa achei q passou batido por aqui. O que realemente teria acontecido com essa travesti? Desde ontem eu tenho visto so noticias inconclusivas a respeito...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo que eu li, a tal da Veronica não é flor que se cheire. Foi presa acusada de tentativa de assassinato, e consta que armou o maior barraco na cadeia, chegando a arrancar a orelha de um guarda com uma dentada.

      CLARO que isto não justifica a tortura ou surra que ela sofreu, muito menos a foto nua divulgada pela própria polícia. Mas aí estamos diante de um problema ainda maior que a violência anti-LGBT, que é a violência contra todo mundo que cai no nosso sistema prisional.

      Eu não tenho estudo nem preparo para tecer um longo post sobre este assunto. Sorry.

      E obrigado pelo prestígio!

      Excluir
  8. Não! É de doer! Até funkeiro tem que vestir uniforme preto-e-branco maçônico!
    (Yes! I AM monothematic.)

    Dai me muita paciência para aguentar mediocridade ao dobro!

    Quanto a Verônica, eu acho que postei aqui? Ou foi na lista de ativistas gay? O vídeo do Youtube do programa antiguérrimo Comando da Madrugada do Goulard de Andrade, onde a Bartô ensina como se livrar de ir para esse sistema IMUNDO IMORAL CORRUPTO PRISIONAL COMANDADO POR ESSES MERDAS MAFIOSOS CONHECIDOS COMO MAÇONS...

    Vejam e entendam um pouco mais de antropologia brasileira:

    https://www.youtube.com/watch?v=KIx2wzbK5B4

    Muito bom a reportagem! Vale vê-la por inteiro. Muuuuuuuuuuito melhor que Game of Thrones ou novela chinfrim cansativa brasileira.

    Lembro de tê-la vista quando passou. Foi um dos inúmeros motivos que me fez decidir largar essa neurose ambulante (ou é merda flutuante?) que é o Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E devemos INTERNALIZAR que os "machos" brasileiros naquela época gostavam de mamar no pau dessas "aberrações" humanas. Não estavam nem aí para aparência. E vem me dizer que gostam de mulheres saradas brasileiras???

      ME ENGANA QUE EU SOU TOTALMENTE TROUXA!!!!!

      Gostam mesmo é de ROOOOOOOOOOOLAAAAAAAAAAAAA.

      Muita R-O-L-A.

      O vídeo novamente que é muito bom/triste/iluminante:

      https://www.youtube.com/watch?v=KIx2wzbK5B4

      Outras entrevistas do Goulard de Andrade mostravam elas totalmente deformadas com as porradas dos pau-mandados-da-maçonaria chamado de "Polícia Brasileira".

      Era silicone industrial injetado né? Aí ja viu! POW! na cara... Desceu meio-litro.

      Excluir
    2. CHOCADO COM ESSE VIDEO MANA! Que maravilhosa que era a TV nos anos 80! HAHAHAHA e ainda reclamam do sensacionalismo de hoje em dia!

      Excluir
    3. Quem choca é galinha.

      Você não é galinha, é?

      Excluir
    4. Linda. Maravilhosa. Monotematica. Fiquei "chocado" pq alguem me chocou e esse alguem por algum acaso e vc ne, entao pelas minhas contas se tem alguma galinha aqui essa galinha so pode ser vc, a responsavel de chocar as guei novinha desinformada com videos tao incriveis, bjs querida e obrigado. By the way,to assistindo e amando tdos os otros videos do goulart de andrade. #ociosa hahahaha

      Excluir
    5. Eu sou tudo que voce quizer por 50 reais a hora!

      Excluir
  9. Ah Tony, relaxa com esse povo. O momento é sensível e também a internet é o lugar em que a harmonia e o respeito vieram para morrer.

    E se esse povo quer tanto ler e comentar sobre o caso da Vanessa e de tantos outros por favor criem seus blogs e páginas no Facebook. Eu também quero ler e comentar sobre isso. Vamos fazer barulho contra essas otoridades corruptas que só sabem bater e torturar.

    ResponderExcluir
  10. Depois ainda tem gente que diz que não há controle do pensamento na esquerda e em suas franjas LGBTQIAPK... Não canso de ver militante disfarçado de anônimo aparecer aqui neste e em outros tantos posts do Tony para dizer-como-deve-ser. Acham que em função de seu alcance, o blogueiro deve seguir agenda. É o fim!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bicha de direita... Agora é moda ser coxinha, né?

      Excluir
    2. Deixe ver quem controla o pensamento da direita: Veja, Estadão, Sherezade, Tio Rei, Lobão, Gentili, Jabor, AécioNotaZero... E a senhora nao se enquada na sigla LGBT por que raios? É hétera, linda?

      Excluir
  11. De uns tempos para cá, estabeleceu-se que travesti é palavra feminina em português. OK, beleza, mas eu ainda sigo a regra antiga. Sou velho. PAAAAAH VRAAAH NO FOCINHO DAS GAYS EGOS DELIRANTES Q VÊM AQUI NA TONYAH CAREY E ESCREVEM 500 LINHAS ACREDITANDO Q ALGUÉM VAI LER. HAZÔ TONYAH MÁDRASTA POR PARTE DE PAI - LADY TREMAINE!!!

    ResponderExcluir