terça-feira, 17 de março de 2015

NÃO ESTOU DISPOSTA

Foi muito engraçado ver os amigos petistas vibrando com a estreia de "Babilônia" na minha timeline do Feice. Ué, mas não eram eles que gritavam que o povo não é bobo? Só que eu não lhes tiro a razão. O primeiro capítulo da nova novela de Gilberto Braga (sorry, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga, mas é assim que a trama vai ser lembrada) foi épico. Parece que alguém na Globo finalmente descobriu que existe a internet, porque não faltaram momentos "memezáveis". A começar pelo beijo histórico entre Fernanda Montenegro e Natália Thimberg logo no primeiro bloco, que já soterrou a cansativa polêmica do "será que algum dia elas vão se beijar?". Se bem que a frase que vai ficar, para além da cidra, é mesmo a que dá título a este post, proferida por Glória Pires em seu primeiro embate com Adriana Esteves. A verdade é que o duelo entre vilãs rivais é um dos poucos pontos originais do programa. Como todos os outros autores, Gilberto Braga também repete suas preferências: "Babilônia" tem grã-fina que pega proletário gostosão, manicure fofoqueira, marido banana, festa de arromba, Cristina Galvão como empregada e assim por diante. Mas longe de mim querer estragar a alegria da galera. "Babilônia" parece ser a primeira novela bacana de seu horário desde que acabou "Avenida Brasil", e isto não é pouco não.

26 comentários:

  1. "Quem pode ter um ano bom brindando com Cidra? "

    ResponderExcluir
  2. Tony, até num post sobre novela você vai falar sobre PT? Legal isso, muito coerente... gimme a break, ok? acho que vou protestar pelo fim do rancor dos brasileiros, tanto dos PTistas quanto dos PSDBistas, tá muito chato isso tudo. Lutar contra a corrupção? Ok! Lutar pelos direitos trabalhistas? Ok! Mas gostaria que estivéssemos numa época em que as pessoas falassem realmente de política, e não apenas ficassem trocando farpas uns contra os outros! Mas lembrei, brasileiro não consegue separar as coisas, é uma mágoa sem fim!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só conseguem separar as coisas lendo a Veja. Turvaram-se as visões e só ficou a mágoa que se transformou num ódio incontrolável.

      Excluir
  3. Criticar a linha editorial do jornalismo e questionar uma sonegação milionária ou se a concessão é honesta não impede que as pessoas gostem de algum produto da emissora, inclusive o "Tá no ar a TV na TV" é sensacional e critica a própria emissora dentro dela. Não compactuar com o teor das manifestações do dia 15 ou ter votado na Dilma não significa necessariamente que a pessoa é petista. Essa cagação de regra e rotulação de nós contra eles é uma tremenda perda de tempo, todos no fundo querem a mesma coisa e fazem parte da mesma nação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, esses petistas a quem eu me reifro no post são petistas mesmo, militantes do partido. Defensores da regulamentação da mídia e tudo o mais. Só achei curioso como eles se deixam seduzir pelo produto mais vistoso da emissora que combatem. E não critico, porque eu também fui seduzido.

      Excluir
    2. "Em que planeta vc vive? Passa lá em casa significa nunca!" Mais carioca, impossível!

      Excluir
  4. Espero sinceramente que o autor não recue na abordagem da homossexualidade na novela, como aconteceu em 2011, lembram? Acha que isso pode vir a ocorrer outra vez, Tony?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Levando em conta que teve beijo lésbico da terceira idade antes do primeiro break, parece que não, né?

      Excluir
  5. E vc acha que JXBraga tá #chatiado de ser coadjuvante? O cara tem um Emmy e é o herdeiro do lugar que Gilberto vai um dia deixar.

    ResponderExcluir
  6. No twitter foi mais engraçado ainda.
    #SimPrefiroTwitter
    #OCertoÉBiscoito
    #FliesAway

    ResponderExcluir
  7. Gostei do capítulo também...
    Até o detestável Gabriel Braga Nunes foi posto num papel digno da sua antipatia !
    Promete...
    Quanto ao beijo, foi lindo, e a música da Bethânia só coroou a iniciativa.
    Mas, me parece que um beijo de duas octogenárias é infinitamente menos "agressivo" aos homofóbicos que o de duas moças ou, pior ainda, de dois homens.
    Octogenárias não tem sequer sexualidade( no entender equivocado da "opinião pública"), então tanto faz se elas dão um beijinho...
    O que Walcyr Carrasco conseguiu com Felix&Nico ainda é um feito único !
    De qualquer forma, achei a cena bem legal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você que pensa que não incomoda, bruno. Só digitar "novela babilônia" no google que aparecem vários sites "alertando" para os "perigos" dessa novela, e promovendo boicote. Aliás, engraçado o motivo do boicote ser justamente um beijo gay. Pelo visto, esses falso-moralistas não se incomodam nem um pouco com assassinato a queima-roupa, sugestão de aborto, promiscuidade, golpe do baú, violência gratuita contra uma senhora que quebrou as duas pernas, fraude na fila de transplantes, etc etc etc... e isso tudo a novela exibiu ontem!

      Excluir
    2. O que o WC fez com Felix&Nico só mostra como a TV brasileira está atrasada em relação à TV mundial.
      Em seriado americano já teve beijo gay adolescente, até na Nicarágua já teve vejo gay em novela.
      A gente se contenta com pouco.

      Excluir
    3. ainda vai levar um tempo...para um casal gay se amar na cama. Por enquanto somente o mais palatável.

      Excluir
  8. Todo post tem que ter menção ao PT agora. Ta ficando chato.

    E nao ache que to criticando vc FALAR de politica. So fica feio que fale EM TODO post e de maneira que nem cabe direito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os petistas estão tentando censurar o blog do Tony?? Já querem começar o controle da mídia desde já??
      É "chato" falar o nome do PT em vão??
      Que ridículo...

      Excluir
    2. Quem falou em censura? Segundo seu raciocínio, vc está me censurando agora, pois não acha q eu tenho o direito de achar chato que o Tony meta o PT em qualquer post.

      Vê se cresce, pessoa.

      Excluir
    3. O próprio Tony censura os outros. Você não pode falar nada 14:58.

      Excluir
  9. Achei péssimo o capítulo (sendo uma estréia), tudo muito corrido, diálogos/situações risíveis, mas tudo com cara de novela mesmo, saudades da coerência do texto de avenida brasil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tipo o pen drive da Nina e a panaquice do Tufão?

      Excluir
    2. hahahahahahahahaha, bem lembrado!

      Excluir
  10. Com beijo gay eu nem falo mal da Globo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois de décadas enrustindo tantos atores?

      Essa se contenta com pouco.

      Excluir
    2. poderíamos fazer uma estatística: para cada casal gay em novela, existem quantos galãs enrustidos? Mas acho que babilônia nem tem ator enrustido (mas meu gaydar sempre foi ruim), já essa que acabou às 18h, Boogie Oogie... melhor deixar pra lá...

      Excluir
    3. O Brasil é exportador de travestis nega!

      Aqui - e na Itália e Espanha - todo "macho" mama em pau de travesti made in Brazil.

      É diversão barata nacional! Quanto mais jeba, melhor!

      Ator é que nem maquiador, cabeleireiro, decorador, etc... Alto índice de bichice. (No mundo inteiro.)

      Quem nega, mente.

      Excluir