quinta-feira, 12 de março de 2015

BIXA, PARE

Primeiro eu achei que era pegadinha. Que ia ter uma reviravolta no final. Afinal, o Rick Dourado fez parte do Põe na Roda, o grupo gay mais bacana do YouTube. Mas esse vídeo solo do rapaz é um bom exemplo de alguém que ouviu o galo cantar mas não sabe onde. É verdade que a bicharada é desunida e despolitizada, mas dizer que eles "só se preocupam com a homofobia" é injusto - muitos não se preocupam SEQUER com a homofobia. Também é equivocado achar que tínhamos que comprar lâmpadas para comunidades carentes depois dos ataques na Paulista. Os homossexuais não têm que provar para ninguém que são bonzinhos e portanto merecem respeito. Merecemos porque somos humanos, ponto. A intenção do Rick era boa, mas ele não conseguiu articular suas ideias num discurso minimamente coerente. Pelo menos ele continua bonitinho.

42 comentários:

  1. Tony, me impressiona alguem tão culto e inteligente como vc considerar essas bichas do Poe Na Roda algo bacana e relevante no que diz respeito à causa gay. Esses veados são o que existe de mais vergonha alheia e desserviço a causa LGBT com sua transfobia, futilidade, moralismo e discurso fajuto. Todo o movimento serio e militancia LGBT os veem como motivo de chacota, pois são tão tolas e burrinhas que não é possivel leva-las s sério.

    Por isso tudo não me surpreendo com uma delas cagando pela boca como nesse post. Me surpreendo de pessoas darem creedito a elas. Acho que vc deve ter uma queda pelos garotos, pq são novinhos, branquinhos, gostosinhos e cresceram na base de leite com pera e Danoninho. Só isso explica sua cegueira e vista grossa.

    Só bicha burra compra a conversa desses veados do Poe na Roda. Tenho vergonha alheia de tudo que eles fazem e te garanto que muitos gays tambem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, quanta mágoa nesse coração...

      Excluir
    2. não é magoa não amor, isso se chama feedback.
      Quem deve estar com mágoa é a senhora, vindo aqui tomar as dores das suas amiguinhas.

      Excluir
    3. Olhe os comentários no video da gay e veja a mágoa...

      Excluir
    4. Também acho o Põe na Roda ótimo! Não me incomoda se às vezes os argumentos deles são falhos, se às vezes eles são fúteis... Eles são uma ótima influência pra gays do país todo, dão visibilidade de uma forma legal.
      Já o Rick Dourado parecer querer ser o anti-põe na roda. Parece que quis dizer que não precisamos viver só da afirmação da nossa sexualidade, e que há outras coisas boas no mundo pra se fazer.
      A intenção foi boa, mas ele tá perdidinho no vídeo. Só mantive a atenção porque ele é bonito mesmo...
      tem espaço na internet pra todo mundo que for bom e que escolher uma boa causa...

      Excluir
    5. Única coisa que o Põe na Roda pensa que é mas não é, é ser engraçado. O resto, visibilidade, levantar temas, fazem direitinho. Outro pequeno pecado é ser e dar visibilidade somente a casta da classe media branca gay que frequenta a Paulista, se recusando a ecoar outros meios, outras questões senão as deles. Mas aí sei lá seria pedir demais,,,

      Excluir
    6. Por falar em Paulista, duvida que domingo estarão todos lá. Só não sei oque farão, quando chegarem as Senhoras de Santana, que evidentemente também irão. Afinal o assunto é esquizofrenicamente sócio Levy financeiro.
      "Ah how do you sleep?
      Ah how do you sleep at night?
      A pretty face may last a year or two"(JL)

      Excluir
    7. Vcs todas são umas recalcadas. Não vim aqui defender o põe na roda, mas pelo menos eles fazem alguma coisa diferente e dão as caras. E vcs, o que fizeram? Acho super fácil ser o crítico.

      Excluir
    8. Tb sempre me perguntei pq o Tony gosta tanto do PNR. Acho eles tão primários...

      Excluir
    9. "mas pelo menos eles fazem alguma coisa diferente e dão as caras."OI? bicha, colocar a cara na frente do iphone e cagar pela boca no Youtube eh fazer algo diferente? vloggeira tagarela em pleno 2015 é algo diferente? melhor ler certas coisas do que ser cega.

      Criticamos sim, vai la questionar cada comentario recalcado q vc diz na pagina da linda. acho é pouco esse bullying.

      Excluir
    10. Tony deve ter uma quedinha por alguma das bilus..só assim pra entender pq ela puxa tanto o saco delas viu? pq engraçadas e divertidas é tudo que elas não são.

      Excluir
  2. video moralista e homonormativo, como tudo que o Poe na Roda ja fez. nada de novo sob o sol, manas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Homonormativo"? Esse termo é novo para mim.

      E o Põe na Roda está longe de ser transfóbico. Já fez vídeos com drags e tudo.

      Excluir
    2. Tony, o problema não é elas só falarem de dentro da bolha que eles vivem na Paulista, só enxergarem o mundinho das baladinhas e arrobas descoladinhas e serem tão fúteis e burrinhas.

      O problema é que elas são pretensiosas e se colocam falando por todos os gays, como se fossem uma voz, mas acabam sendo moralistas, elitistas, hipocritas, demagogas e..preconceituosas. deviam assumir que são um canal de patricinhas gays mesmo, ao invés de querer posar de politizadas, algo que elas não sao.

      Excluir
  3. A bixa levou uma surra tão grande em seu próprio perfil do facebook ao postar esse vídeo, que quase deu dó. Deve ser uó quando críticas ao vídeo postado tem 10 vezes mais curtidas do que o próprio post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho é pouco. quem fala o que quer...

      Excluir
  4. Essas bichas novinhas cresceram fora do gueto, são alienadas, duvido que conhecam Luis Mott, Trevisan, Sui Generis, ou seja, a história de fato da militância no Brasil, o negócio delas e da geração "Junior" é grife, corpo e cabelo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então acho que você não viu o vídeo, porque é justamente essa crítica generalista que ele fez, como se todos os gays fossem iguais: alienados, fúteis, narcisistas e que deveriam ser melhores para não serem discriminados.

      Excluir
    2. 'Geração Junior'. Melhor definição não há.

      Excluir
    3. Fácil pra ela ne? ser branquinha, famosinha nas webs, descoladinha...Graças aos veados do guetto que sairam do armario e deram a cara a tapa na rua mostrando o orgulho e dignidade de ser bixa com todos os cliches que ela critica que uma bunita como ela pode estar hoje falando merda no Youtube. Bicha burra merece ser linchada como ela.

      Excluir
  5. Falou tudo. A intenção era boa, mas saiu horrível. Gays não têm que ser Madre Teresa. Somos humanos e estamos tendo nossa humanidade desprezada pelo que somos. Hannah Arendt vira na tumba.

    ResponderExcluir
  6. Vergonha Alheia apenas

    ResponderExcluir
  7. Discurso de viver no armário que várias "colegas" dele, da escola "Lobo Maia", praticam ...

    ResponderExcluir
  8. Generalização não, querido. Menos Rick, menos...

    ResponderExcluir
  9. Esse cara assistiu Pride e jurou que podia fazer que nem o cara do filme que resolve apoiar os mineradores grevistas.
    O grande problema é que esse cara daí, em vez de levantar a bunda e fazer, achou que basta ficar no youtube fazendo video.
    Então, a crítica que ele merece é: deixa de ser geração youtube e faça algo de concreto para ajudar outras pessoas como vc sugere.

    ResponderExcluir
  10. Ele, na verdade, falou que as bichas ursas e bate-cabelo se preocupam mais com as cantoras de autotune nos faices, orkuts, que qualquer outra coisa.

    Ah e se drogar ouvindo as fantásticas e inesqueciveis overproduced breguice delas.

    Junior Vasquez já avisava: "If madonna calls IM NOT HERE!"

    Mas as bicha são tudo burra.

    ResponderExcluir
  11. Só o que me irrita mais do que viado brigando por diva pop é gente cagando regra. Deixa o cu peludo defender a Raiana, enjoado do caralho.

    ResponderExcluir
  12. Jesus amado! Vomitei as tripas vendo esse video. Guardei nos favoritos pra próxima Detox.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora eu me caguei. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  13. Sempre defendi e quero continuar defendendo a liberdade de expressão, mas esse vídeo é sem noção, sem graça e sem o menor entendimento do que é ser gay no Brasil de hoje. Bonitinho, ele é, mas ordinário, muito ordinário. Já morei na Califórnia, vi a Parada Gay de São Francisco, conheci grupos de ativistas gays americanos e sempre me surpreendeu a capacidade deles em se manter unidos ( não importa qual fosse sua classificação) e a obstinação em manter sempre em alerta as questões dos direitos gays. Volte você para o armário. Mas volte sozinho. Prefiro viver!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só porque o cara é bonitinho (na verdade uma mulher né?) isso dá o direito pra ele falar tanta bosta? Se fosse um gay tribufu queria ver se todo mundo, inclusive o Tony estaria tão brando e compreensivel...

      Excluir
  14. Tony, você foi até muito bonzinho com essa criatura. Nem Bolsonaro faria um discurso tão equivocado.
    Rick Dourado, em primeiro lugar, você deveria começar a frequentar outros lugares que não sejam baladinhas gays. Em balada o povo quer se divertir e falar bobagem, sejam gays, heteros ou marcianos.
    Frequente grupos de luta por direitos civis, grupos de voluntários em hospitais como Gafreé Guinle, grupos de auxílios aos necessitados ou, até mesmo, um orfanato e você verá que há muitos gays engajados na melhora do mundo, sim.
    O vídeo desse rapaz além de ser arrogante, reacionário e equivocado é um desserviço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bem colocado, Eduardo! Bj

      Excluir
  15. é o primeiro vídeo solo que vc assiste... eles tem outros, também pavorosos!!! melhor acompanhar ele no instagram de cueca - algo super politizado e social

    ResponderExcluir
  16. Mais um que só sabe usar o Grindr.

    O cérebro não sabe.

    Cansei de tanta bicha burra e despolitizada.

    ResponderExcluir
  17. Não gostei do vídeo, achei as idéias pobres, primárias, mas que é infinitamente superior a qualquer coisa que o Põe na Roda já fez isso é inquestionável.

    ResponderExcluir
  18. Eu faria o Rick... #PutaMesmoEDaí

    ResponderExcluir
  19. Não vejo problema nenhum em ser rico, ter crescido com o melhor - ser narcisista e hedonista - isto é maravilhoso. Existe uma mentalidade muito brasileira que delimita "ser rico é repulsivo" "que ter e poder é espúrio". Ele é lindo, rico e poderoso. Os outros três do PNR tb. E sim, viado tem o direito de estabelecer seu modus vivendi como ele quiser. Se ele quiser viver superficialmente é direito dele. Não vejo problema nenhum em ser rico, ter crescido com o melhor - ser narcisista e hedonista - isto é maravilhoso - QUE PATRULHA CHATA (parafraseando erika palomino) - parafraseando Tom Jobim : NO BRASIL É PROIBIDO FAZER SUCESSO. dos quase 40 comentários 39 das bichas arriscariam a vida pra ajoelhar diante do rapaz, abrir a braguilha dele e pagar lhe um boquete com requintes de timsuck ponto com - eu vou parar de abrir os comentários do tony. e Rick Dourado - EXPRESS YOURSELF DONT REPRESS YOURSELF (tb vale pro PNR) [nem precisam responder, eu não vou voltar pra ler]

    ResponderExcluir
  20. Tony,
    Gosto do canal "Põe na Roda", mas me envergonho do jeito que eles dizem e fazem a asssociação a "não somos chatos; não somos militantes". Para eles chegarem a essse ponto, muita água passou por debaixo da ponte. Porém, realmente, tudo isso torna-se irrelevante quanto vemos este vídeo que você postou do Rick. Pior ainda é o novo canal "Chá dos Cinco" (que você pode ver aqui: https://www.youtube.com/watch?v=UStmM3pjWmY ) . Apresentado por um "caboquinho paraense" (sou caboquinho também. Vivi quase minha vida toda na França, mas minha identidade é Amazônida) que diz que não vai a médico feio, porque "se ele não cuida dele, não vai cuidar de mim". Sério... é de ficar assustado.

    ResponderExcluir