quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

O NOVO INIMIGO PÚBLICO

Já está mais do que na hora de Eduardo Cunha se tornar um household name, aquele tipo de famoso que até sua avó velhinha conhece. E entrar para a lista dos notórios inimigos da nação, como Sarney, Collor e Renan. O deputado pelo PMDB do Rio de Janeiro é forte candidato à presidência da Câmara, mas seu currículo é de dar arrepios. O sujeito é adepto do fisiologismo (mais conhecido como toma lá, dá cá), lobista de várias grandes empresas e já se viu envolvido em alguns escândalos. Para completar, é evangélico fervoroso e inimigo declarado do casamento igualitário. Vai afundar ainda mais o Congresso na lama. Dilma não o quer de jeito nenhum, e eu também não. Pois é, de vez em quando até eu concordo com a presidenta.

19 comentários:

  1. Há uma ala no PT que tem articulado para que esse senhor seja mesmo o presidente da Câmara na próxima Legislatura.
    E, assim, podemos desde já esperar o arquivamento de qualquer projeto de direitos igualitários.

    ResponderExcluir
  2. O mio babbino caro
    O sujeito é adepto do fisiologismo (mais conhecido como toma lá, dá cá), lobista de várias grandes empresas e já se viu envolvido em alguns escândalos. PORTANTO, é evangélico fervoroso e inimigo declarado do casamento igualitário. (me permita).

    ResponderExcluir
  3. Por que os salafrários sempre são mais poderosos e organizados?????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E pior que sempre que alguma parte da sociedade faz algo para melhorar, vem os inimigos da democracia de sempre e barram qualquer chance de mudança. A OAB entrou com ação no STF para restringir o financiamento privado em campanhas eleitorais, mas o juizinho Gilmar Mendes pediu vistas e sentou no processo. Ta esquentando ele embaixo da bunda há OITO meses.

      #devolveGilmar

      Excluir
  4. Odeio tanto Dilma que agora sou Eduardo Cunha desde criancinha. E tô nem aí pra homofobia dele. Casei no civil e vivo bem do mesmo jeito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, se ja garantiu o seu, foda-se o resto. Afinal, politicamente é só o casamento q importa, ne?

      Excluir
    2. Os eleitores do Aécio vemos de longe, só olham para o próprio umbigo e foda-se o resto.

      Excluir
    3. Adorarei ver a Dilma comprando o Eduardo Cunha. Vai precisar flexibilizar o caralho a quatro, pois o cara vai custar muito caro?

      Excluir
    4. Continuo vivendo bem. Volta pra sua fila sacar o Bolsa qualquer coisa.

      Excluir
    5. KKKK e ainda acha que quem votou na Dilma precisa de bolsa alguma coisa, to falando, vemos de longe quem vota em Aécio, sempre o mesmo argumento (melhor, falta de), e apelando que quem vota no PT precisa de benefícios do governo.

      Excluir
    6. Eu votei na Dilma e não recebo benefício nenhum. Mas seria injusto colocar todos os eleitores do Aécio no mesmo balaio boçal de alguns.
      Mas quem "casou" - e acha que os direitos igualitários se resumam a casamento (que babaquice!) - deve se lembrar que esta "união civil" foi concedida pelo STF, não está na legislação. No futuro, com uma corte mais conservadora, a decisão judicial pode ser anulada, já que a legislação atual não lhe dá respaldo. O benefício judicial, ora concedido, é somente fruto da INTERPRETAÇÃO dos ministros atuais do Supremo. Em outras palavras: pode ser que no futuro haja nova interpretação, e que esta seja desfavorável.

      Excluir
    7. Pode deixar! Vou guardar lugar pro Chico Buarque aqui na fila. Somos tds pobres, iletrados, desempregados e sustentados pelos trabalhadores honestos.

      Excluir
    8. Aproveita e pede pra ele devolver o Jabuti que ganhou na petralhagem.

      Excluir
    9. Ele vendeu. Sabe como é, vida de bolsista não é fácil.

      Excluir
  5. Quem é mesmo que só olha para o próprio umbigo? Bom, os eleitores do PT - a Dilma não existe, concorda? - só olham para onde o Lula manda.

    ResponderExcluir
  6. A campanha dele tinha dinheiro para publicar anúncio em cores na 2ª página do Globo todos os dias.
    Ele anda promovendo jantares com todos os deputados para apresentar a candidatura dele. Já teve gente até falando nele como candidato a presidência em 2018.

    ResponderExcluir
  7. O mio babbino caro
    Puta que pariu, não acredito que um puta blog desse, vá continuar nessa merda de Dilma e Aécio. Caralho, pelo amor de deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luiz César M. do Nascimento6 de dezembro de 2014 01:18

      Calma anônimo! Este blog nunca fez tão bem a democracia. É discutindo, em um espaço como este é que a democracia vai sendo construída.
      Alguém ai leu o livro do Thomas Piketty - O Capital do século XXl ?

      Excluir
    2. "O livro de Piketty é estúpido e representa tudo o que critico. Ele esquece como a política influencia a economia. Há tanta coisa errada que eu nem sei por onde começar. Pesquisei a realidade de países muito diferentes entre si. Fiz diagnósticos distintos sobre cada um. Mas Piketty põe tudo no mesmo saco. Como posso deixar de lado as diferenças históricas entre América Latina e América do Norte? As instituições latinas são muito menos democráticas que as americanas. E como o capitalismo da Suécia pode ser comparado ao da Colômbia? Você acha que os problemas brasileiros serão resolvidos com mais impostos sobre os negócios dos empresários locais, como ele defende? Entendo esse livro como um projeto político em favor do socialismo, não como um projeto científico. Nas ciências sociais, testamos hipóteses. Piketty não testou nada." (James Robinson, um dos autores do livro Por que as Nações Fracassam)

      Excluir