quarta-feira, 29 de outubro de 2014

MOSTRA À TROIS

Já fui rato da Mostra de Cinema de São Paulo. Mas este ano passei quase que toda sua duração fora do Brasil; só tive tempo para ver três títulos (além de "Relatos Selvagens", que entrou em cartaz). Nenhum dos três me empolgou...

"Azul y No Tan Rosa" ganhou o Goya (o Oscar espanhol) de melhor filme ibero-americano do ano passado. É um dos primeiros longas de temática gay rodados na Venezuela, e eu estava louco para vê-lo desde que falei dele no blog no começo deste ano. Confesso que me desapontei. O roteiro junta duas tramas que mal se tocam, um violento ataque homofóbico e a chegada do filho hétero de um fotógrafo (agora) homossexual. A produção também não é das mais requintadas e o final, quase que feliz em excesso, parece não chegar nunca. Mas o filme até que funciona como manifesto pró-LGBT num país que ainda está bem atrasado nesse quesito.

"Vivir Es Fácil con los Ojos Cerrados" tem seu título tirado da letra de "Strawberry Fields Forever", e no centro de sua trama está um professor de meia-idade que quer conhecer John Lennon pessoalmente (a ação se passa em 1966, em plena ditadura franquista). Ele parte para Almería, onde o Beatle está filmando, na companhia de uma moça fugida de um reformatório e um garoto fugido de casa. Aos poucos esses três solitários se tornam uma família improvisada, e o resultado é simpático porém algo inofensivo. Não entendi porque o filme ganhou uma pá de Goyas e ainda foi o escolhido pela Espanha para representá-la no próximo Oscar.

"Queen & Country" (as duas coisas pelas quais um soldado britânico tem que lutar, nesta ordem) ainda nem estreou lá fora nem tem poster oficial. É uma continuação tardia de "Esperança e Glória", o maravilhoso filme sobre Londres durante a 2a. Guerra que o diretor John Boorman lançou em 1987. Aqui ele pega um dos personagens, o garotinho Bill, e o mostra com 18 anos em 1952, servindo o Exército e prestes a embarcar para a Guerra da Coréia. Apesar dos ótimos atores e de algumas boas piadas, este novo filme não chega aos pés de seu ilustre antepassado, um mosaico emocionante e cômico sobre a vida debaixo de bombas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário