sexta-feira, 22 de agosto de 2014

O FIM DO FESTIM

Ufa. Levei mais de dois meses, mas finalmente consegui atravessar as quase mil páginas da versão de bolso de " A Feast for Crows" (em português, "O Festim dos Corvos"), o quarto volume da série que inspirou "Game of Thrones". O livro começa exatamente onde terminou a quarta temporada da TV, o que saciou por enquanto meu desespero em saber o que acontece com alguns dos personagens. Não todos: o quinto livro, "A Dança dos Dragões", não é propriamente uma continuação, mas um volume paralelo com histórias que se desenrolam simultaneamente às do quarto. A leitura também serviu para aumentar ainda mais minha admiração pelo trabalho dos roteiristas do programa da HBO. Cada um dos 45 capítulos do calhamaço renderia apenas uma ou duas cenas na telinha: fica claro o esforço de síntese da turma do "writer's room". Por outro lado, a prosa de George R. R. Martin é deliciosa. Já desisti de livros populares como os do Harry Potter porque achei-os mal escritos para dedéu. Ainda bem que este não é o caso aqui, apesar do uso de palavras como "maidenhead" - um termo para virgindade que soa medieval, mas que eu desconfio que seja inventado pelo autor. Agora vou descansar dos Sete Reinos e ler outras coisas, mas no começo do ano que vem pretendo enfrentar a "Dança", que é ainda mais longa. A próxima temporada é baseada nesses dois livros, e eu quero estar preparado como se o inverno estivesse se aproximando.

10 comentários:

  1. desculpe se você ainda não tomou café da manhã, mas a palavra existe sim. No inglês britânico é um termo para designar o hímen. :)~

    ResponderExcluir
  2. Tony, agora que você leu O Festim dos Corvos me responda: tem como não morrer de amores por Cersei Lannister, mesmo sabendo que ela é a víbora das víboras?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já amava a Cersei desde a série de TV. Agora que li seus 10 capítulos P.D.V., estou completamente perdido de paixão. Ela é asquerosa e fabulosa, e a gente torce mesmo para que ela se dê mal - mas que seja só na última página do último livro, porque sem Cersei G.o.T. perde metade da graça.

      Excluir
    2. Adoro ver a Cersei se fuder, mas não consigo viver sem ela!

      Excluir
  3. A Lena Headay que fez possível a Cersei ficar na nossa cabeça, ja li num forum de GOT que antes dela a Toni Collette foi cogitada pra interpretar a Cersei, que bom que não!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Toni Collette?/ Adoro, mas ela é feia - Cersei tem que ser linda e glamurosa.

      Excluir
  4. o bicho (literalmente) vai pegar mais ainda no próximo

    ResponderExcluir
  5. Lendo o livro só pra saber da série... Espero que ao menos tenha lido todos e não só esse, como vejo muita gente fazendo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, não li os 3 primeiros. Comecei pelo 4o. porque foi onde parou a 4a. temporada - aquela que finalmente me deixou maluco por "GoT'.

      Excluir
  6. Amo ler, mas ainda não criei coragem para encarar esses livros. Pretendo fazê-lo em breve.

    ResponderExcluir