domingo, 13 de julho de 2014

BRASIL, DECIME QUÉ SE SIENTE

Diga-me como você está se sentindo. Despesperado, por causa de mais uma derrota da seleção? Aliviado, porque essa porra de Copa tá acabando? Ou meio apático, como eu, porque esse timeco que está aí não merece choro nem vela? Minha preocupação agora é outra: por quem torcer na final de hoje?

Minhas razões para torcer pela Argentina:

1) Adoro o país. Já estive em Buenos Aires umas 25 vezes e me mudaria para lá amanhã se fosse preciso. Amo a comida, a música, o idioma, a Mafalda, a mentalidade tragicômica.

2) Bairrismo. A Europa jamais venceu uma Copa nas Américas, e não haveria de ser agora. Prefiro ver felizes meus hermanos amigos do que um bando de comedores de chucrute.

3) As chances da Dilma se reeleger diminuiriam!

4) Fernando Gago.

Minhas razões para torcer pela Alemanha:

1) O time deles realmente é melhor. Melhor preparado, mais entrosado, menos dependentes de estrelas individuais.

2) Ia ser bom para a alma ver os hermanos levarem uma goleada também, né não? Ainda mais depois deles nos insultarem com o hino "Brasil, Decime Qué Se Siente".

3) Sami Khedira.

E você, para que lado pende seu coração?

15 comentários:

  1. Faltou você comentar o SHOW de simpatia dos alemães no Brasil. Paula Lavigne chora Bratwurst.
    Foram até mais humildes que o Felipão no tocante ao jogo com o Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade. Os alemães foram uns cavalheiros. Não humilharam o Brasil no segundo tempo, doaram dinheiro para causas nobres e ainda vão deixar para uma ONG o centro de treinamento que construíram em Porto Seguro.

      E a Paula Lavigne devia ser amordaçada. Como fala besteira! E depois prejudica a si mesma.

      Excluir
    2. "Os alemães foram uns cavalheiros. Não humilharam o Brasil no segundo tempo, doaram dinheiro para causas nobres e ainda vão deixar para uma ONG o centro de treinamento que construíram em Porto Seguro."

      Acho estes motivos suficientes, Tony.

      Os argentinos nem ganharam e já estão contando vitória...
      http://oglobo.globo.com/esportes/copa-2014/na-favela-estao-todos-chorando-diz-nova-musica-da-torcida-argentina-13226464#ixzz37CODDU6c

      Excluir
    3. Amei a participação deles. Simpatíssimos, solidários, gentis e não tripudiaram da vitória acachapante. Nao fizeram dancinhas pros gols com alguns brasileiros fariam.
      Além disso, como bonus round, ainda fizeram uma semi-dança indígena ao redor da taça como homenagem pra tribo q os receberam.
      Jogaram com sague (literalmente) e fizeram justiça pra um time que nem merecia - nós.
      Se é pra perder, que seja pra um vencedor, sempre!

      Excluir
  2. Torcendo pela Alemanha pelos mesmos motivos que você e o Daniel apresentaram aqui nos comentários, eles não foram apenas jogadores eficientes que mostraram resultado em campo mas cidadãos, além de que acho importante que seja premiada a seleção que joga como um time e prioriza o coletivo ao invés de talentos individuais como é o caso da Argentina com o Messi.

    ResponderExcluir
  3. Também adoro a Argentina, mas também adoro a Alemanha. O que me faz pender para os alemães é a inacreditável capacidade que esse povo tem de se superar. Foram destroçados em duas guerras mundiais e hoje são uma potência mundial. Carregaram a pecha de assassinos nazistas e conseguiram mostrar ao mundo que são um povo bacana.
    E em termos de futebol, que é o que interessa, mostraram a que vieram.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Babona. Escorreu pelo queixo, amor.

      Excluir
  4. Alemanha, pois sou chegado numa wurst. #dessas ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei bem o tipo de wurst alemã que você curte... Tim Kruger feelings

      Excluir
    2. Conchita Wurst?

      Excluir
  5. Só eu acho que o Higuain é um dos motivo pra, pelo menos, ver o jogo? :P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gato, o mundo é tão maior que pênis! Seja engraçadinho com algo além.
      Afinal, vc pode, não?
      Freud explica.

      Excluir
    2. dá um bom título: "A Internet nos anos 2010, ou O Patrulhamento contra o que eu não concordo (mesmo sem ter argumentos)". Vá te catar, Motumbo!

      Excluir
  6. Eu tava torcendo pela Argentina, mas depois que vi sangue no jogo, parei de torcer.

    Fora que o Messi foi um bobão. Fez cara feia para a Merkel, depois tirou a medalha.

    Sério, chega de drama, Argentina. Deal with your problems. Eles não vêm dos outros.

    ResponderExcluir