terça-feira, 29 de abril de 2014

ESSA FANTA É COCA ZERO

A essa altura já devem estar achando que eu sou acionista do Põe na Roda, ao que eu respondo: quem me dera, porque esses garotos vão ficar muito ricos. Este é o terceiro vídeo deles e o terceiro que eu posto aqui no meu blog, porque está simplesmente muito engraçado. E instrutivo também: eu, por exemplo, aprendi a expressão "fazer amizade com o Wolf Maya". Agora vou usar sempre.

40 comentários:

  1. Gente, sério, eu super tentei achar engraçado, nem precisava ser muito engraçado. Engraçadinho já estava bom, mas não rolou não... nem um meio sorriso de canto de boca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já eu acho engraçado como várias pessoas perdem seu tempo na internet pra tecer comentários sarcásticos dizendo que elas não gostaram de tal coisa que acharam na internet... espero que alguém algum dia estude profundamente as motivações que levam essas pessoas a isso!

      Excluir
    2. Só se rolar a contraparte da pesquisa que estude porque sempre vai aparecer um projeto de talifã pra reprimir quem não gostou/ não curtiu/ não achou graça sinceramente

      Excluir
    3. Ué, só o aplauso pode ser ouvido? Ninguém mais, nunca mais, vai poder falar que não gostou de algo? É a ditadura da aprovação ou síndrome de criança mimada que fica emburrada se faz algo e alguém não gosta? Parece bem mesmo a cara de muitos "artistas" que adoram falar, quando criticados, que é inveja/recalque dos outros. Chega a ser patético de tão triste alguém que não sabe não ser aprovado e fazer algum uso disso, que seja usar a crítica para melhorar.

      Excluir
    4. Eu sou o anônimo que fez a primeira resposta (é muito anonimato rs). O que critiquei não foi a crítica em si, foi o SARCASMO. A crítica é sempre válida, mas acho o sarcasmo um desrespeito. E as pessoas se usam desse anonimato todo na internet pra poder ser grosseiras, sarcásticas, desrespeitosas, etc o que é MUITO chato. E essas pessoas estão sendo chatas com gente que elas não conhecem. Acabei eu também respondendo de maneira sarcástica, mas sinceramente acho bem apropriado, num estilo olho-por-olho. Quanto ao comentário imediatamente anterior: confesso que não entendi ao certo, afinal de contas não sou eu o autor do vídeo, e portanto eu não poderia estar levando pro lado da não-aprovação... de qualquer forma, não acho que tenha nada a ver com recalque, só acho uma chatice com o dono do canal (ou com pessoas, como eu, que estão cansadas de gente grossa na internet).

      Excluir
    5. Ja existe pesquisa a respeito de quem são os trolls da internet! Normalmente são pessoas que têm altos níveis de narcisismo, sadismo psicológico, psicopatia e maquiavelianismo. Em outras palavras, são pessoas que sentem prazer em ofender os outros emocionalmente. E a internet, com possibilidades de comentar como anonimo, é um ambiente propício para essa gente. Ironia eu comentar como anonimo também? Talvez seja. Talvez seja.
      http://www.slate.com/articles/health_and_science/climate_desk/2014/02/internet_troll_personality_study_machiavellianism_narcissism_psychopathy.html

      Excluir
    6. Olha aqui seus anônimos, calem a boca e vão chupar um canavial de rola! Bando de viadinho cheios dos mimimi! rs

      Excluir
    7. Esqueci de comentar. Não acho que o primeiro anônimo foi desrespeitoso nem sarcástico, apenas deu seu parecer. Eu também não achei graça, achei os outros episódios mais engraçados, mas este episódio foi o melhor disparado, mesmo não tendo graça.

      Excluir
    8. Sou o autor do primeiro comentário. Agora sim, eu ri. A polêmica foi mais engraçada que o vídeo. Gente, qual a necessidade disso? Não usei sarcasmo algum, eu REALMENTE não achei graça nenhuma no vídeo e eu REALMENTE queria achar MUITO ENGRAÇADO como o Tony escreveu no post dele, porque eu adoro dar risada. Já essa polêmica é hilária, anônimo criticando o anonimato alheio, definindo personalidade alheia baseado num comentário e sendo sarcástico para criticar o suposto e inexistente sarcasmo do outro. Obrigado pelos risos!

      Excluir
    9. A polêmica foi mais engraçada que o vídeo [2]

      E para quem se acusa mutuamente de troll, vocês estão até civilizados em relação à média do blog.

      Excluir
    10. Vocês viados são muito engraçados!!! kkkkkk

      Excluir
    11. Se isso tudo o que está sendo dito não é sarcasmo, eu não sei mais o que é. Bando de gente grossa!

      Excluir
    12. Bichas tristes.

      Excluir
    13. Dizer que um vídeo que pretende ser engraçado não tem graça, não é grosseria e nem tristeza, é apenas uma opinião. E viva a liberdade de expressão!

      Excluir
    14. Anastasia Beaverhousen1 de maio de 2014 11:15

      Eu achei o vídeo, o primeiro comentário e a polêmica muito divertidos!
      Vem cá gente: gay quer dizer alegre em inglês! Por que tanto mau humor? Falta de vitamina P?

      Excluir
    15. Sou outro anônimo e esse é meu primeiro comentário aqui.
      Eu usava meu nome aqui, agora só posto como anônimo por causa dos trolls que ao descobrirem quem é você chegam a ponto de te encontrar nas redes sociais pra te ofender. Pessoas que não aceitam oopinião diferente e se escondem no anonimato pra ofender. Às vezes acho que entre os leitores anônimos do Tony tá cheio de gente famosa e subcelebridades enrustidas.

      Excluir
    16. A Felicidade Custa Caro, Work Bitch!1 de maio de 2014 21:59

      Amigo, eu não acho que por aqui tem gente famosa, formadora de opinião e coisa e tals, EU TENHO CERTEZA.

      Excluir
  2. Eu gostei, o primeiro vídeo deles que eu gostei foi esse!

    ResponderExcluir
  3. engraçado, eu gostei, a mãe é ótima! e o carinha é bem mais interessante que aquele cabelelelo do último vídeo que deixou todas atiçadas

    ResponderExcluir
  4. Tinha tudo para ser engraçado mas.... não rolou.

    Apesar de "galã da novela das 9" e "fazer amizade com o Wolf Maya" terem sido boas sacadas.

    ResponderExcluir
  5. Fábio rabin e ótimo...

    ResponderExcluir
  6. O melhor até agora. Texto muuuito bom. :)

    ResponderExcluir
  7. A mãe parece uma agente SUS fazendo uma pesquisa; não que a situação precisasse ser realista, mas ficou mais didática do que engraçada. Claro que é um assunto que pode render em termos de risadas, mas o texto é expositório demais.

    ResponderExcluir
  8. Oi Tony, dei risadas como vc! curti o vídeo, mas achei muito inocente... muito consequente... Especialmente num assunto como esse, que por si só é de um escracho que há muito tempo não víamos surgir....(goys??enfim...)...
    É um texto que parece escrito para não mexer com nada. É um texto que não quer sair de cima do muro, que não sai do armário... que quer ser, mas não é...pelo menos não ainda...
    Como um goy, que quer ser e não assume, que quer ser mas não pode. Que faz, mas quer passar a impressão de que não fez, ou a impressão de que se fez, não gostou de ter feito... Até o mais politicamente correto dos gays é mais "saboroso" que esse texto.
    Mas, como nos goys, o potencial é enorme! rs... é só relaxar que vai...

    ResponderExcluir
  9. Tony Goys... valeu! finalmente entendi o que isso significa.

    ResponderExcluir
  10. hahahaha genial o video. muito bom, sacada ótima, timing perfeito do rabin e da mãe.

    ResponderExcluir
  11. Conversar com a mãe geralmente não é engraçado, por isso o argumento inicial já é limitado. Também concordo que ficou muito didático. A relação entre dois G0Ys renderia um material mais interessante, mas a iniciativa do canal é ótima. O aclamado Porta dos Fundos por exemplo produz 1 vídeo ótimo e depois 10 mais ou menos. O importante é não parar de criar, que naturalmente boas coisas virão pela frente.

    ResponderExcluir
  12. Eu tb dava pro Fabio Rabin, mas depois lembrei que ele fez o Desafio Pacsívia...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Deasfio Pacsivia" é um vídeo que ganhou o Show do Gongo (competição de vídeos amadores) do Festival MixBrasil de alguns anos atrás:

      https://www.youtube.com/watch?v=2tWWHhSiIvA

      Excluir
  13. "Gay era uma das palavras mais agradáveis da língua inglesa. Sua apropriação por um grupo tão mal humorado é um ato de pirataria."
    Arthur Schlesinger, Jr

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esta frase é de uma estupidez ímpar.

      Para começar, não foram os gays que começaram a se chamar assim. "Gay" era usado como xingamento mesmo, assim como "fruit" ou "queen".

      Foi no final dos anos 50 que a bicharada resolveu adotar o termo, esvaziando-o do tom pejorativo.

      E desde quando os gays são um grupo mal-humorado? Ao contrário: acho que um de nossos maiores problemas é exatamente o espírito festeiro, que nos despolitiza e nos desmobiliza. Um pouco de mau humor nos ajudaria a conquistar mais direitos.

      Excluir
    2. Original ou não, a apropriação existiu, e basta vc ler os posts deste tópico pra ver que o mau humor é patente.
      Mas não tô afim de entrar nessa. Pode escrever o que vc quiser aí embaixo que eu não vou responder.

      Excluir
    3. "Um pouco de mau humor nos ajudaria a conquistar mais direitos"? Vc não escreveu isso. Por favor. O problema é que gays esqueceram o significado do termo, mas em vez de ficar sérios resolveram investir na ignorância. Basta ler os comentários de qualquer post desse blog.

      Excluir
    4. Sim, escrevi, e vou escrever de novo:

      Um pouco de mau humor nos ajudaria a conquistar mais direitos.

      É só com mau humor, com desagrado, com revolta, que alguém se mexe para (re)conquistar o que já é seu por direito. Se não a pessoa fica acomodada, feliz em seu cantinho e sem incomodar ninguém.

      Engraçado cobrarem humor do movimento LGBT. Ninguém cobrava isso dos abolicionistas.

      Excluir
  14. A Felicidade Custa Caro, Work Bitch!1 de maio de 2014 21:55

    Reza a lenda que Wolf Maya não possui mais pregas, elas fazem parte do passado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meda Festa de Wolf Maya 21/09/08: https://www.youtube.com/watch?v=KrLEaG8rsL8

      Excluir
  15. Eu quero é um goy desses do vídeo, que gracinha!!!! Ei mas que bagunça isso, eu heim, melhor nem explicar mais.

    ResponderExcluir
  16. Agora o Wolf vai abrir caminhos da escola do Rio. Que venham os novatos dispostos a conhecer as internas da TV!

    ResponderExcluir