domingo, 13 de abril de 2014

AMAZING GRACE

Boa parte da humanidade (eu inclusive) nunca tinha ouvido falar de Grace Coddington até ver o documentário "The September Issue". O filme foi encomendado por Anna Wintour para mostrar que ela não é tão mostruosa como sugere "O Diabo Veste Prada", mas quem acabou roubando a cena foi Grace, seu braço direito na "Vogue". Uma editora de moda em atividade há mais de 40 anos, que já viu de tudo, trabalhou com todo mundo e ainda quer mais. Grace é tão cheia de graça que se tornou uma mini-celebridade, a ponto de haver demanda para um livro com suas memórias. Comprei há mais de um ano e estou terminando agora: é na verdade uma visão por dentro do mundo fashion desde o final da década de 60, contada de maneira despretensiosa (a autora admite que não leu mais que dois livros na vida) e fartamente ilustrada por desenhos dela mesma. Longe de ser uma leitura eletrizante, "Grace: a Memoir" funciona como um longo e divertido bate-papo, com algumas fofocas deliciosas e momentos de reflexão profunda. O que emerge no final é uma mulher vivida e resolvida, ainda fascinante aos 73 anos. Moral da história: ninguém envelhece se continua interessado no mundo ao seu redor.

6 comentários:

  1. Grace>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Ana>>>>>>>>>>>>>>>>>>>pênis>>>>>>>>>>>cu>>>>>>>>>>>vagina>>>>>>>Daniela falção.

    ResponderExcluir
  2. Tony, também fiquei super interessado nela depois de ver o documentário da Vogue, você comprou o livro onde?

    ResponderExcluir
  3. que xato, acho que não sou o publico alvo do seu blog, mas fontinuo por aqui

    ResponderExcluir
  4. realmente, saí do filme direto pra googlar a mulher. valeu a dica do livro

    ResponderExcluir
  5. hermes galvao tava traduzindo pra rocco!

    ResponderExcluir