segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

I HOLD THE LOCK AND YOU HOLD THE KY

Os Grammys ontem à noite tiveram seu número de maior conotação política de todos os tempos. 33 casais de todas as idades, cores e orientações foram oficialmente casados por Queen Latifah ao som do hino ao amor igualitário, "Same Love", da dupla Macklemore & Lewis (que levou vários prêmios, inclusive o de Revelação do Ano). Madonna, que não gosta de perder o bonde da história, fez uma aparição-surpresa no final, parecendo um boneco em animatronic e cantando (mal) trechos de "Open Your Heart". Mas não o suficiente para estragar a emoção do momento: muita gente na plateia enxugou lágrimas, e eu também quase não me contive. E não é que a Katy Perry pegou um dos buquês?

9 comentários:

  1. Nossa... tô engasgado aqui... :~)
    Me deu até vontade de casar... brinks! :D

    ResponderExcluir
  2. Mas a tal Maria Lambert tbm canta mal demais hein, pqp.

    ResponderExcluir
  3. hahaha a Madonna teve uma overdose de botox que paralisou os músculos faciais e do corpo também.

    ah, e morri com o título.

    ivan

    ResponderExcluir
  4. kd as fãs pedantes de sempre (tipo Celso Dossi) pra vir aqui dizer que a múmia lacrou?
    foi bonito sim, apesar da pieguice, mas deu dó do estado da Véionna! o tempo chega pra todas, até pra Rainha do pop!

    ResponderExcluir
  5. O mio babbino caro
    É ruim imaginar, oque seria de Queen Latifah, se nascesse no Brasil. Continuamos a perder. Viva o Rap!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade! Aqui seria apenas negra, gorda e lésbica. Lá, ela tb pode ser linda, elegante, simpática, poderosa, além de negra, gorda e lésbica!

      Excluir
    2. É ruim imaginar que o Brasil poderia ser melhor se não tivesse tanta gente que se acha vira-latas o tempo inteiro.

      Excluir
  6. Petista Convicta is Back28 de janeiro de 2014 19:03

    Tony, não se começa frase com número...vc deveria ter escrito por extenso.

    Um beijo cor do PT na sua bochecha.

    ResponderExcluir