sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

DESEJO A TODAS INIMIGAS VIDA LONGA

E não é que teve gente que reclamou por eu não ter incluído "Beijinho no Ombro" entre os melhores de 2013? O primeiro clipe de Valesca Popozuda, gravado no Castelinho de Itaipava, deve ter custado uns dois mil reais - e dá para ver cada tostão na tela. Fora que a música dura só três minutos, com mais quatro e tanto só de agradecimentos. Tem como não se render? Claro que eu virei popofã.

28 comentários:

  1. Custou R$ 437.000,00 http://ego.globo.com/famosos/noticia/2013/12/novo-clipe-de-valesca-popozuda-custou-quase-meio-milhao-de-reais.html

    Daqui a pouco vem a galerinha de fora do Rio (especialmente do Sul) falar aquelas pérolas... "vergonha de ser brasileiro", "o Rio é só funk", "a imagem do Brasil fica queimando". É, mas "It's Britney, bitch", pode, né??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou do sul e vou falar a minha pérola, tá joaninha? Achei o cú da ema...#prontofalei

      Excluir
    2. Essa é fofinha, Danny...aí pode :p

      Excluir
    3. concordo com o joão...

      O povo consome todo tipo de merda importada e se acha hipster...

      Isso é o Brasil, Pega sua inveja e vai pra...

      Excluir
    4. Inveja do que cara pálida? Se vc achou o tal vídeo legal, well, isso fala muito de vc, neammmm?

      Excluir
    5. Danny tá rachando a cara...

      Excluir
    6. Rachando de rir da breguice dessas bichas...Pão com ovo define.

      Excluir
    7. Sou paulista e achei uma graça! Virei popofã também!

      E não sei por que essa de ter vergonha de ser brasileiro - o povo fala isso mesmo, mas os gringos em geral adoram funk.

      Excluir
  2. Segundo as boas línguas, custou 400 mil...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então alguém embolsou e fugiu com R$ 398.000...
      Pode custar a fortuna que for. Funk/sertanejo/nova classe C ostentação sempre será uma coisa meio assim.

      Excluir
    2. Meio assim super mega uó...

      Excluir
    3. Achei o máximo.

      Excluir
  3. Vergonha de ser brasileiro, o Rio é só funk, a imagem do Brasil fica queimando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A barbie tem cara que mora em Osasco e acha que tá tirando onda com foto na Califórnia...pffff...

      Excluir
    2. Beijinho no ombro pro @Bruno

      Excluir
    3. Bruno, RALA SUA MANDADA!

      Excluir
  4. Gente, não é possível que alguém faça um vídeo desses achando que vai ser cool. Kkk, adorei.

    ResponderExcluir
  5. Várias frases inspiradoras que pretendo usar em 2014:

    Desejo a todas inimigas vida longa
    Para que elas vejam cada dia mais nossa vitória
    Bateu de frente é só tiro, porrada e bomba

    Late mais alto que daqui eu não te escuto.

    Meu sensor de piriguete explodiu

    RALA, SUA MANDADA!


    Beijinho no ombro por recalque passar de longe
    Beijinho no ombro só pras invejosas de plantão.

    ResponderExcluir
  6. versão descarada de “What makes you beautiful” (ou "quando vamos pra baleia" rsss
    Mas não tem como negar que é divertido

    ResponderExcluir
  7. Convenhamos, ainda que primárIa e pretenciosa, a produção é no maior capricho - os créditos tomam mais tempo que a, digamos, música. A abertura cheia de mistério, a descida triunfal da diva, os cenários grandiosos, os figurinos elaborados, tudo para mandar as inimigas para apura que pariu. É o máximo do 'samba do crioulo doido' (d'après Ponte Preta).
    E dessa vez João está cheio de razão: entre curtir bullshit do primeiro mundo e a nossa bosta, vamos valorizar o produto nacional.
    Só não me conformo é com a cara européia da Valesca (devia ser Waleska) não ter nada a ver com os versos e coreografia, com o bundão, os peitões e as coxonas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahah

      Pois é. Eu só argumento que é engraçado o "double standard". Curtir merdas feitas na Europa e nos EUA é o máximo, mas quando é algo trash feio no Brasil, é vergonha nacional. Realmente...

      Excluir
  8. É impressão minha ou tá plagiando Alejandro, da Gaga?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ladra que rouba ladra tem cem anos de perdão.

      Excluir
  9. Achei perfeito para o que ela se propõe a fazer. Stop, né pessoal! Valesca é "cantora" de Funk ostentação não da para comparar com Anitta, Sandy, Katy Perry e outras.

    ResponderExcluir
  10. Uma palavra: Medonho.

    ResponderExcluir
  11. Anonimée avec personnalité8 de janeiro de 2014 18:08

    Desde quando isso pode ser chamado ou apelidado de música, canção ou qualquer coisa que valha? Nem mesmo se aproxima do rap que pelo menos tem mensagem... Sério essa poha de funk jah foi longe demais.

    Vulgaridade, teu nome agora é subcelebridade.

    Tristes tempos.

    ResponderExcluir