terça-feira, 31 de dezembro de 2013

CATORZE OU QUATORZE?

Duas grandes discussões contaminaram a chegada do ano 2000. A maior delas era se o tal do "bug do milênio" iria desligar toda a energia elétrica do mundo, abrindo a portas para o apocalipse zumbi. A outra era se estávamos ou não entrando no século 21. Não, não estávamos, mas vamos combinar que mudar todos os quatro dígitos de uma vez tem um efeito psicológico gigantesco. Acho que essas discussões nos exauriram, porque dessa vez não estou vendo ninguém se perguntando como se escreve o número 14 por extenso. A verdade é que as duas formas são válidas em português (mas parece que em Portugal só se usa a com "c"). Conheço até quem pronuncie o quá. Mas quem é que se preocupa em escrever da maneira correta, num tempo em que abundam os vc e pq? Temos mais o que fazer, eu inclusive. Boa passagem de ano para todos nós.

18 comentários:

  1. De uns anos pra cá eu notei que todos os noticiários em inglês falam "twenty thirteen", "twenty fourteen". Já é oficial isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uai, sempre foi assim. Lembra como se dizia 1999? Nineteen ninety-nine.

      Excluir
    2. Nem parece europeia.

      Excluir
    3. ninguém falou "twenty-oh-oh" ou "twenty-zero-zero". Até 2009 era "two thousand and..." E até ano passado eu ainda via "two thousand eleven", Two thousand twelve". De repente, os veículos em inglês resolveram antecipar o "20-XX" que eu estava guardando pra só depois de 2020.

      E onde eu moro, se fala o ano beeeeeem diferente. É algo assim: Zweitausendvierzig.
      2021 vai ser lindo de pronunciar: zweitausendeinsundzwanzig.

      Excluir
    4. Larry Gimme The Berry1 de janeiro de 2014 12:20

      Sambô na cara das pobre!

      Excluir
    5. Em tempo: a regra de dizer os anos quebrados em duas dezenas em inglês sempre foi clara...até 1999. A partir do ano 2000 é que ninguém sabia direito quanto iria durar dizer "two thousand and..." Eu botei essa regra pra 2020.

      Excluir
    6. Não existe uma regra clara, mas a tendência é optar pela forma mais rápida de ser falada.
      Two thousand-fourteen e twenty-fourteen acabam tendo tempos similares, mas two thousand-twenty-four e twenty-twenty-four já fica mais nítida a diferença.

      Excluir
    7. Twenty-ten foi tema de um post meu há exatos três anos. Teve até comentário do Daniel:

      http://tonygoes.blogspot.com.br/2010/01/vinte-dez.html

      Excluir
    8. Hahaha, preciso de esquizofril! Eu até acho mais fácil falar os anos em dezenas mesmo, mas só depois de 2020. O problema é que isso é da linguagem informal e não temos muitas pessoas de 1900 e 1910 pra nos dizer como se falavam os anos naquelas décadas. Por isso que eu estranhei os noticiários em inglês já adiantando os anos em dezenas ainda nesta década.

      Excluir
  2. Feliz 2014, feliz TUDO!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Outra coisa: desejam sempre FELIZ 2014 lendo [AINDA] como DOIS MIL E CATORZE/QUATORZE, quando vamos simplificar tipo final do seculo passado (FELIZ 88! FELIZ 95! FELIZ 98!) e dizer Feliz 14 (CATORZE/QUATORZE)! Feliz 15 (QUINZE)! Feliz 16 (DEZESSEIS)! Será que em 1914 se dizia feliz mil novecentos e catorze, assim falado com todos os numerais por extenso? A propósito FELIZ 14! Que seja melhor que esse ano de bruxa que finda...

    ResponderExcluir
  4. Eu escrevo quatorze e falo "catorze". A gente não fala espanhol para escrever "cuarto", e sim português para escrever "quarto". Logo, aplico a mesma lógica.

    Fora que quatorze soa melhor, é mais bonito...a gente precisa de classe! O Brasil precisa de classe! BJS

    ResponderExcluir
  5. O mio babbino caro
    CATORZE OU QUATORZE, eu desejo que lhe seja um Ano Bom!
    Foi legal ler seus textos, mais uma vez, ao longo do ano. No Show do Gongo, nos encontramos rs.
    Felicidades!

    ResponderExcluir
  6. Eu sempre falei e escrevi "quatorze". Somente na adolescência ao ler a primeira página do capítulo 14 do primeiro livro do Harry Potter é que descobri que o número também pode ser escrito com "c". Feliz ano novo Tony.

    ResponderExcluir
  7. A forma abreviada de falar os anos em inglês só é válida na informalidade, então tanto faz falar de um jeito ou de outro. No jargão jurídico e em documentos oficiais, os anos em inglês são sempre escritos por extenso, sem simplificações e sem abreviações, como em português - "ano de mil e novecentos e noventa e nove" por exemplo, seria "in the year one thousand and nine hundred and ninety-nine".
    *

    ResponderExcluir
  8. bando de bixa metida a jet-set. vixe

    ResponderExcluir