quinta-feira, 25 de julho de 2013

ABOLE A STOLI

Católicos e evangélicos são notoriamente homofóbicos, mas, entre os cristãos, nada se compara aos ortodoxos. Meio que para agradar à Igreja, meio que para distrair o povo dos problemas de verdade, a Rússia de Vladimir Putin já vem há algum tempo apertando o cerco contra os gays. Qualquer paradinha já é logo proibida como propaganda de opção sexual, e agora até turistas homossexuais podem ser presos e expulsos do país. Já tem nego questionando como vão ser os Jogos Olímpicos de Inverno do ano que vem, que serão realizados na cidade caucasiana de Sochi. Há uma porrada de atletas assumidamente gays (os patinadores, acho que todos), e as Olimpíadas modernas sempre têm um centro LGBT que dessa vez periga não rolar. Alguns mais exaltados sugerem até que os Estados Unidos simplesmente boicotem os Jogos - o que deixa uma batata quentíssima nas mãos da rede NBC, que gastou alguns bilhões de dólares pelos direitos de transmissão. Enquanto isto, meu ídolo, o colunista Dan Savage, sugere um boicote bem mais simples de ser executado: vamos parar de beber vodka russa. Abaixo a Stolichnaya!

25 comentários:

  1. EEEEEEEE agora só Ganso Cinza :)

    ResponderExcluir
  2. hahahahahah. Quando eu fui no Hump Festival, ele convidou todo mundo a tomar um Jack Daniels antes da sessão porque é proibido beber durante uma sessão de cinema em WA ("Your dick is gonna explode or something")
    Tomei 2 shots.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que fofa vc!

      Excluir
    2. Foi mesmo ? Eike interessante ... blargh !

      Excluir
  3. Os atletas deviam fazer isso mesmo, principalmente os patinadores.

    É hora de ser solidário com os gays russos que devem comer o pão que o Stalin amassou.

    ResponderExcluir
  4. Gente, coitada das bil russas. Imagens chocantes:

    http://www.buzzfeed.com/mjs538/photos-from-russia-everyone-needs-to-see

    O Alexandre Adone sugere formas de apoiar azamiga de lá e boicotar esse país escroto:


    http://colunistas.ig.com.br/volta-ao-mundo/2013/07/23/comunidade-lgbt-internacional-se-mobiliza-para-boicotar-russia/

    ResponderExcluir
  5. Idiota a sugestão de se boicotar a vodka russa.
    Ineficaz e sem qualquer sentido.

    ResponderExcluir
  6. Acreditem se quiserem... um colega meu professor, australiano, tinha sido patinador no gelo... e ganhou a vida assim durante algum tempo. Mas não era gay, ao contrário, estava bem casado e com um filho aqui no Brasil... infelizmente, o mundo não é gay.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anastasia Beaverhausen26 de julho de 2013 17:47

      É claro que existe patinador hétero, assim como existe político honesto.

      Excluir
    2. Huuaahhahahaah, esses comentários ainda me matam isso é humor de sitcom minha gente! Vão ganhar dinheiro escrevendo esquetes.

      Excluir
  7. Acho que essa agressividade da igreja ortodoxa tem muito a ver com os resquícios de quase um século de comunismo. Mas como a Rússia tornou-se capitalista, a força da grana vai falar mais alto e durante os jogos de inverno vai rolar mais tolerância (leia-se: 'abafa o caso') para que ninguém saia perdendo. Grana, é claro.

    ResponderExcluir
  8. Na verdade o que se passa na Rússia não é simplesmente uma onda de homofobia advinda somente dos cristãos ortodoxos (a pior face do cristianismo), até porque muitos russos têm se desligado da religião nos últimos anos. O que acontece é que o povo ainda têm aquela visão de que a homossexualidade é uma doença do capitalismo e como na época da URSS eles odiavam tudo o que era do ocidente, isso ainda os perturba, apesar dos anos que já se passaram. Além disso, o presidente Vladimir Putão se utiliza desse "ideal" social para tapar a verdadeira razão (com o então apoio da maioria) do governo adotar estas medidas nazistas aos cidadão LGBT: o país está sofrendo um declínio populacional que pelas estimativas da ONU, se continuar no ritmo que está, fará com que até 2050 percam-se 30 milhões de habitantes. Assim, o que eles querem é fazer o povo continuar crescendo, nem que para isso continuem mantendo a imagem negativa da homossexualidade a fim de que as pessoas que assim são busquem construir uma família tradicional para fugir do preconceito, afinal o que importa é que essas relações gerem filhos não interessando se eles são desejados ou simplesmente acidentes de percurso (como bem sabemos de vários que nascem de relacionamentos de fachada).

    ResponderExcluir
  9. Cristãos ortodoxos, pior face do cristianismo? Seguindo a mesma linha de pensamento, seu preconceito e falta de conhecimento é a pior face da bichice.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anastasia Beaverhausen27 de julho de 2013 14:44

      "Pior face do cristianismo" é redundância!

      Excluir
    2. Já que meu preconceito é tão grande, convoco-o a tentar viver livremente nos países que o cristianismo ortodoxo é dominante. E não precisa nem ser a Rússia ou a Ucrânia. Vamos ver o que você vai responder após passar por esta maravilhosa experiência.

      Excluir
    3. Lhe respondo: Já passei alguns verões na Grécia (provavelmente o país mais ortodoxo do mundo,percentualmente) e não tive nenhum problema; preconceito há, como em qualquer lugar. A homofobia que impera em países como Rússia e Ucrânia é muito mais relacionada aos anos de chumbo do comunismo (em que homossexuais eram perseguidos, como ainda o são na católica Cuba) do que a tal influência "nefasta" da ortodoxia. Tente viver livremente em alguns países muçulmanos, ou pior ainda, em certos lugares ditos "cristãos" da África, como Uganda. A Rússia vai parecer Amsterdam.

      Excluir
    4. Sim, eu sei que o Leste Europeu é a única região do mundo que não apenas a religião é fator fundamental a aversão aos LGBTs, no caso o idealismo socialista da URSS (contra praga capitalista) também. Mas isso não tira toda influência da Igreja Cristã Ortodoxa que voltou com tudo na maior parte daqueles países a partir de 1990 e que fazem um proselitismo muito pior do que os evangélicos daqui. Os governos se apoiam neles para não mudarem suas atitudes homofóbicas e eles os governos. Passar alguns verões lá e ainda como turista não é o mesmo que viver e pior, ter família lá. Os jovens gays sofrem muito com o preconceito e discriminação advinda através deste. E caso não tenha visto como terminam as paradas gays destes países, isso quando acontecem, sempre têm inúmeros ortodoxos quebrando tudo e até violentando os manifestantes. E aí temos que agora respeitar e abaixar a cabeça perante esses seres execráveis? Eu não.

      Excluir
  10. Em que parte do meu texto eu escrevi "pior face do cristianismo"? Estou procurando e não acho.

    ResponderExcluir
  11. Não foi vc, baby, foi o Caio do post acima. Seu texto arrasa, sempre...

    ResponderExcluir
  12. Não viajo aos países que não sou bem-vindo.

    ResponderExcluir
  13. O mio babbino caro
    Alzira bebendo vodka defronte da Torre Malakof
    Alzira virada pra Lua, rezando na igreja de são ninguém
    Se o mundo for só de mentira, só ela acredita que existe além
    Que existe outra natureza que venha ocupar o lugar do fim
    ...só ela antevia a revolução
    O mar derrubando o dique, invadindo a cidade ...
    (L/LQ)

    ResponderExcluir
  14. é pois é - temos o privilégio quase nem sempre devidamente agraciado e gratificado de vivermos num país onde o prazer não custa a própria vida - onde o direito de ser sofre uma ou outra adversidade, mas é quase paradisíaco - este nosso direito - comparado a alguns que tais como este país aí, ainda bem que estamos **muito** longe deles - e muito muito perto do cristianismo de esquina [vide bancada evangélica e outras asneiras que tais]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Menas"

      http://homofobiamata.wordpress.com/

      Excluir
  15. Como se os russos não dessem gostoso e ainda pedissem um tratamento mais hardcore... Países dessas redondezas e adjacências (Rússia, Cazaquistão, Hungria e Republica Tcheca) são o celeiro de astros pornôs ultra hot da KristenBjorn e CazzoFilms - duas mecas do pornô gay mundial... Hipocrisia anytime anywhere... Vodka nada vâmo entornar uma cachaça made in Minas e agarrar nossos mineirinhos gostosos c/ tudo, eis o boicote digno da glória.

    ResponderExcluir
  16. http://www.buzzfeed.com/louispeitzman/why-the-stoli-boycott-is-misguided-and-dangerous

    ResponderExcluir