terça-feira, 23 de abril de 2013

NAFPLIO

Por que eu nunca tinha ouvido falar desse lugar antes? Quantas ruínas uma pessoa consegue consegue ver num único dia? Quantos degraus consegue subir? Por que colocam pimentão na salada grega, se ninguém come? Por que quase todos os museus gregos fecham às três da tarde? Por que alguns vendedores parecem odiar estar trabalhando, num país onde o desemprego é crescente? Qual era o mistério de Elêusis? Quem é esse santo que parece Jorge, mas ao invés de um dragão está matando uma pessoa? Por que os padres ortodoxos usam cabelo comprido preso num rabinho? De onde vêm tantos gatos e cachorros? Como se pronuncia a porra do nome desse lugar?

5 comentários:

  1. Adoro! Mas e aí: fica em que parte da Grécia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Peloponeso, em frente ao golfo Argônico.

      http://maps.google.gr/maps/ms?ie=UTF8&oe=UTF8&msa=0&msid=206538854783896758518.0004bf8c0e486f880ca94

      Excluir
  2. Tony,

    Com essa sua viagem vc redefiniu a expressão "Eu sou rykah!" rsrs
    Agora não posso mentir, morro de saudades de seus posts sobre tudo e todos, meu jornalista favorito!

    Boa viagem, bjo!

    ResponderExcluir