segunda-feira, 1 de abril de 2013

AINDA NÃO CAPTARAM

Ontem eu entrei numa discussão pelo Twitter com um fã da Joelma. O garoto defendia a moça com unhas e dentes, repetindo que a revista "Época" distorceu as palavras dela. A cantora do Calypso pode até não ter dito que drogados e homossexuais são a mesma coisa, mas defendeu várias vezes a absurda "cura gay". É aí que mora o perigo: as declarações dessa tonta não afetam em nada a minha vida, mas causam um desserviço incomensurável entre a garotada sem acesso à informação.  Hoje fiquei sabendo que os produtores do filme sobre a banda não conseguiram captar toda a grana necessária. Agora é que não vão captar mesmo, pois nenhuma marca importante vai querer se associar a um projeto desses. Ainda mais depois de tantos anunciantes estarem apoiando abertamente o casamento igualitário. Quero ver os evangélicos boicotarem todos!

17 comentários:

  1. Imagine: John Lennon, 1971.

    "Imagine" é uma canção escrita pelo músico inglês John Lennon que foi gravada e lançada em 1971 em álbum homônimo. Pelo conteúdo de sua letra, é considerada o maior "Hino pela Paz" de todos os tempos. Foi eleita pela revista Rolling Stone a 3ª maior música de todos os tempos.
    John Lennon descreve a canção como sendo antirreligiosa, antinacionalista, anticonvencional e anticapitalista. Na canção ele pede para imaginar um mundo sem países ("no countries"), sem possessões ("no possessions") e sem religião ("and no religion too"). A letra foi inspirada em um desejo do Beatle de ver um mundo em paz. Lennon disse uma vez que Imagine era "o Manifesto Comunista em sua mais pura essência".

    A música que abre o álbum, "Imagine" fala de sua utopia de um mundo ideal e nos convida a participar. Por outro lado, ela fez com que Mark Chapman (assassino de John Lennon) aumentasse seu ódio pelo cantor, pois em sua letra Lennon diz para que se imagine que os ceús, em sentido espiritual, não existam, o que Chapman considerou outra blasfêmia dita pelo cantor, junto com a declaração de Lennon que os Beatles seriam "Mais populares que Jesus".

    fonte: wikipédia

    Pensei nesta canção o dia inteiro. Li o seu blog pela manhã sobre ser agnóstico ou ateu, como já fui evangélico, agnóstico por um período (falta de coragem) e ateu hoje, prefiro um mundo sem religião ou um "Estado Laico" no mínimo. Ser agnóstico é a mesma coisa do que ser "viado dentro do armário". Falta de coragem em acreditar na ciência. Como alguém ainda pode acreditar que existam deuses em 2013?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ser agnóstico é constatar que a máquina humana tem limites claros de percepção do mundo, a ciência mesmo tem seus limites claros, e no tanger desses limites há um mistério para ser desvendado. Não que haverá Deuses nos esperando no além vida, mas que nosso entendimento de Deus ainda pode ser tão aquém que mesmo que sejamos parte dele não conseguimos captar sua existência. De qualquer maneira, ser ateu convicto é mesmo um ato de coragem, mas ser agnóstico é um ato de respeito ao mistério.

      Excluir
    2. Sabe o que é bom dessa história toda, as máscaras estão caindo. A montagem acima diz mesmo muita coisa. Essa divisão DEM-PSDB vs PT estava saturada. Tão saturada que a oposição no Brasil vai se tornar irrelevante. A vantagem desse povo se unir e sair do fundo do atraso de onde eles vêm para confrontar nossa sociedade, vai permitir que nasça blocos políticos autenticamente conservadores e progressistas. O PSC é base aliada no momento com partidos que tradicionalmente são ideologicamente contra. Esse movimento vai pedir uma re-organização, vamos ver quem vai ficar com os evangélicos, quem vai ficar com os gays, quem fica com o estado-religioso e quem fica com o estado-laico. Outras divisões vão se formar e quem sabe possamos acabar com esse jogo de coligações que só trava as mudanças necessárias para o país.

      Excluir
  2. Acompanhando o post do ER, é incrível a quantidade de artistas que mudam ou subtraem o "no religion too" da letra de Imagine quanto a cantam.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade.
      E qual é o nome disso?

      Covardia.

      Excluir
  3. Eu disse em outro post eu disse que era uma guerra "santa" e é mesmo.
    Esse negócio de dizer uma coisa e depois voltar atrás ou culpar outrem é equê puro, kaÔ,essa figura deveria recolher-se a sua ignorância,e os gays com um mínimo de entendimento tem que jogar fora os cds,dvs e qualquer tipo de lixo que essa banda encabeçada por essa energúmena produza.
    Faço votos que o projeto desse filmeco não consiga o que ainda precisa pra ser realizado e se por acaso for,os gays tem que boicotá-lo,e ir para frente das salas que forem exibi-lo com cartazes protestando.
    ANDRÉ L.

    ResponderExcluir
  4. Faltou a Claudia Leitte, aquela homofóbica que as bichas baianas idolatram...

    ResponderExcluir
  5. a montagem ficou fodidamente perfeita!

    ResponderExcluir
  6. Anastasia Beaverhausen2 de abril de 2013 11:37

    Não sei quem foi o autor da montagem mas... Preta Gil em primeiro plano enquanto Wagner Moura e Caetano Veloso estão lá atrás? Isso é dar munição ao inimigo!

    ResponderExcluir
  7. TENHO ORGULHO DA JOELMA ESTA TAO BEM ACOMPANHA COM HOMOS DE DEUS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E ela devia ter vergonha de ter fãs ignorantes como você.

      Excluir
    2. Acabei de assistir um video que esse rapaz, Victor Senna, postou no Youtube. Ele faz uma comparação entre Beyoncé e o lixo (ops, Joelma). Nunca ri tanto na minha vida. kkkkk

      Excluir
    3. HOMOS? É isso que chamo de voz do inconsciente! kkkkkkkkkkk

      Excluir
  8. Ué, porque ela não vai bater na porta da igreja dela atrás de patrocinador???

    ResponderExcluir
  9. Quase dá uma peninha da bicha, gente... Legal querer e achar que pode ter um vlog, mas não era melhor esperar tirar o aparelho? Um fonoaudiólogo não seria mais urgente? Tá meio novinha pra ser sequela de AVC, mas igualmente grave a situação.

    ResponderExcluir
  10. Joelma esta certa Deus fez o Aleijado andar e o cego enxergar e pode curar todas as coisas!O homossexualismo causa sofrimento e Deus pode te livrar de todo ele!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse seu Deus não existe, hahahahahahahahahahahahahahahaha

      Excluir