segunda-feira, 8 de abril de 2013

YOU SPIN ME ROUND

Muito difícil não acreditar em Deus depois de ver os derviches dançando.

19 comentários:

  1. É um belo ritual. A simbologia da posição das mãos encanta e surpreende o olhar atento..

    ResponderExcluir
  2. Tem boates gays famosas ai, vai e depois comenta....

    ResponderExcluir
  3. Poxa, eles se esforçaram tanto nos ensaios e na apresentação, e quem leva os créditos é...Deus? Sacanagem.

    ResponderExcluir
  4. http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=LzPO2228A14
    achei muito bacana este video, Tony

    ResponderExcluir
  5. não entendi o que deus tem a ver com isso, mas enfim... agora o bom mesmo de Istambul são os gigs de dança do ventre masculinos. Várias boates na região do Beyoglu tem, não perca! :)

    ivan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os derviches são monges sufi (um dos ramos do Islã). Esta dança induz a uma espécie de transe e pode durar horas. É para entrar em contato direto com o divino... acredita que eles não ficam tontos?

      Excluir
  6. Lindo demais sou fã desta dança muito bela a posição das mãos significa contato entre o céu e a terra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E quando eles viram a cabeça de lado, com uma das orelhas para cima, é para escutar o que Deus está dizendo...

      Excluir
  7. Não perca aquela luta turca no óleo! Deve ser uma experiência única... hehehehe

    ResponderExcluir
  8. Vem,
    Te direi em segredo
    Aonde leva esta dança.

    Vê como as partículas do ar
    E os grãos de areia do deserto
    Giram desnorteados.

    Cada átomo
    Feliz ou miserável,
    Gira apaixonado
    Em torno do sol.
    Rumi

    ResponderExcluir
  9. Tem uma perturbada que posta aqui que deve fazer isso direto, até em casa...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joaninha nunca perde a oportunidade para ser " agradável" , nāo é mesmo ?

      Excluir
    2. O anjo salva-se pelo conhecimento,
      o animal pela ignorância;
      entre os dois o homem permanece em litígio.

      Rumi
      Jalal ad-Din Muhammad Rumi

      Excluir
    3. Temos que ser amargos às vezes...Muhmnnnmahahanmnn

      Excluir
    4. O seu problema é o "as vezes" que viram "sempre".

      Sai rodando por aí,vai que melhora.

      Excluir
  10. na boa... espero que as pessoas estejam postando aqui irônicamente de brinks... a dança dervish é extremamente tocante e divina( no duplo sentido). experimente, tony, escutar com fones de ouvidos alguma dessas músicas num volume médio/alto mas cuidado para não sair rodopiando vc mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Sufi whirling (or Sufi spinning) is a form of Sama or physically active meditation which originated among Sufis, and which is still practiced by the Sufi Dervishes of the Mevlevi order. It is a customary dance performed within the Sema, or worship ceremony, through which dervishes (also called semazens) aim to reach the source of all perfection, or kemal. This is sought through abandoning one's nafs, egos or personal desires, by listening to the music, focusing on God, and spinning one's body in repetitive circles, which has been seen as a symbolic imitation of planets in the Solar System orbiting the sun.[1] As explained by Sufis:[2]

      'In the symbolism of the Sema ritual, the semazen's camel's hair hat (sikke) represents the tombstone of the ego; his wide, white skirt (tennure) represents the ego's shroud. By removing his black cloak (hırka), he is spiritually reborn to the truth. At the beginning of the Sema, by holding his arms crosswise, the semazen appears to represent the number one, thus testifying to God's unity. While whirling, his arms are open: his right arm is directed to the sky, ready to receive God's beneficence; his left hand, upon which his eyes are fastened, is turned toward the earth. The semazen conveys God's spiritual gift to those who are witnessing the Sema. Revolving from right to left around the heart, the semazen embraces all humanity with love. The human being has been created with love in order to love. Mevlâna Jalâluddîn Rumi says, "All loves are a bridge to Divine love. Yet, those who have not had a taste of it do not know!'"

      Pronto. Wikipedia.

      Excluir
  11. Achei que era o clipe da Madonna... heuaheuhuehauhe

    ResponderExcluir
  12. lindo clip da madonna usando os derviches, com um figurino mais elaborado, comme if faut, em se tratando da mme. ciccone.

    http://www.youtube.com/watch?v=CSaFgAwnRSc

    ResponderExcluir