quinta-feira, 25 de abril de 2013

A GIBRALTAR DA GRÉCIA

Outro lugar do qual eu nunca tinha ouvido falar até semana passada. Outro lugar pelo qual estou perdidamente apaixonado. O rochedo onde fica Monemvasia se tornou uma ilha depois de um terremoto no século 3 d.C., e voltou a se ligar ao continente depois que construíram uma estradinha no século 6. Na Idade Média surgiu aqui uma cidade fortificada bizantina, que depois caiu nas mãos dos turcos, depois dos venezianos, dos turcos outra vez e finalmente dos gregos, no século 19. Há uma parte alta quase toda em ruínas, onde só sobrou uma igreja ortodoxa. E uma parte baixa onde se concentram os hotéis, restaurantes e lojas, mas não entra carro. Tivemos que estacionar antes das muralhas e arrastar nossas malas pelo calçamento de paralelepípedo. Claro que valeu a pena: o lugar é surreal, em frente a um mar azul cobalto e, à noite e esta semana, debaixo de uma lua quase cheia. Só falta Afrodite emergir das águas. Opa, não falta mais.

2 comentários:

  1. Grécia é tudo de bom!!!

    ResponderExcluir
  2. Lindo demais não é mesmo!!!! Um paraíso!!!!!!!!!

    ResponderExcluir