segunda-feira, 25 de março de 2013

MIL E UMA UTILIDADES

Juro que eu não entendo muito esse fuzuê das ONGs qure lutam pelos direitos dos negros por causa do desfile de Ronaldo Fraga na SPFW. O estilista fez penteados de Bom-Bril em suas modelos, negras e brancas; o que era para ser uma brincadeira foi recebido como ofensa gravíssima por muita gente boa. E de nada adiantou ele jurar que não tinha a menor intenção de fazer uma gracinha racista. Mas, por outro lado, entendo que a dor acontece no calo de quem é pisado: não sou negro, portanto nunca fui discriminado pela cor da minha pele. O caso me lembra um pouco aquele patético episódio do comercial de Doritos, onde muitos gays se sentiram insultados (eu inclusive) e muitos héteros não viram mal nenhum. Agora, sinto que não haveria esse bafafá todo por causa de um desfile onde as manecas negras surgissem com os cabelos alisadíssimos ou pintados de louro. Sim, entendo que a palha de aço é traumática (e os modelitos até que ficaram legais). Agora, não seria incrível se essas entidades todas gastassem a mesma energia para protestar contra o Marco Feliciano, este sim um racista de carteirinha?

41 comentários:

  1. Exato, porque até agora mesmo o Movimento Negro foi muito, mas muito discreto nesse caso do Feliciano....

    ResponderExcluir
  2. Peraí.... se alisam e pintam o cabelo, reclamam do "branqueamento" das modelos negras... WTF??

    ResponderExcluir
  3. A coisa foi levada em tom de brincadeira, mas é muito séria. Cabelo bombril é uma grave ofensa a que os negros estão sujeitos. Não há mesmo maneira melhor de homenageá-los? Por que não fizeram penteados afros nos cabelos das próprias modelos (negras e brancas) em vez de colocar palha de aço na cabeça?

    ResponderExcluir
  4. off topic

    http://www.buzzfeed.com/hnigatu/creative-ways-people-have-satirized-anti-gay-arguments

    ResponderExcluir
  5. Se houve um problema no desfile do Fraga, foi o desfile ter sido feio. Esse então do protesto, é patético.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que vc e o tony deram um longo tchauzinho pra inteligencia! O chão onde vcs andam e' bem fininho em talento, ne?!
      Nao sei o que acontece com vcs, mas recomendo uma boa dose de bromide na agua e rapido!
      Fashion history e' escrita por pessoas brancas e privilegiadas!

      Excluir
    2. Fique tranquilo, virei estilista e na próxima SPFW minha coleção ser a Escrava Anastácia meets Kunta Kinte com o título "Tu Vai Ser Minha Doméstica!". Só modelos negras luxuosas de cabelo afro chicoteando modelos loiras sem maquiagem, com perucas de cabelo de espiga de milho e vestidas em andrajos. "Fashion history é escrita por pessoas brancas privilegiadas". C'mon, vc pode fazer melhor em termos de lugar comum politicamente cafona.

      Excluir
    3. Para quem ainda não sabe: o MM é negro.

      Excluir
    4. Pois é...alguns negros que atingem um certo status social são insuportáveis. Vide Joaquim Barbosa e quase todos os (pouquíssimos) professores que eu tive na escola e na faculdade. Gente racista por si só, e que não reconhece os desafios, o preconceito sofrido (sim, MM, você é discriminado, SIM SENHOR! Por todo mundo; mesmo os que não te falam isso). Da mesma forma que o Clodovil dava umas declarações homofóbicas, "fechando" com o opressor, tem negro que também o faz. Muito triste!

      Sério, tomara que esses tipos sejam superados logo. Não dá para não reconhecer o status quo desfavorável aos negros sendo negro. Só se for idiota mesmo. Entre numa empresa e veja quantos negros existem, por exemplo. Converse com alunos qualificados negros (poucos, infelizmente, devido ao nosso histórico) e veja como é mais difícil para eles pegar uma vaguinha numa empresa ou escritório. Com certeza são preteridos...nessas horas não é o mérito que impera.

      Enfim, get a life.

      Excluir
    5. Ó João sem anorak vermelho, espero que v. não pense que o Joaquim Barbosa esteja '"fechando" com o opressor'.

      Excluir
    6. @MM- nossa !!! o concept do seu desfile debut e' bem original, ne!?! com certeza vai causar frison entre as fashionistas da primeira fileira!, I just can't wait...Kate Moss toppled by Ms.Campbel!
      Your concept meant that you'll undercut the capitalist dream with ironic haute couture? e' isso memo?

      Posso contribuir com algumas sugestões para o seu desfile debut ficar um pouquinho mais original: your model heroine hobnob with lefwing theorist and thinker Slavo Zizek, sing pop songs and set off bombs at an A-list benefit fashion show.

      For sure, post 9/11, it'll be an assault on the relationship between fashion and politics!!!

      MM, como ja te disse: lhe falta inteligencia!

      Excluir
    7. Aqui eu preciso intervir: ah, mas não falta mesmo. MM é uma das pessoas mais lúcidas que eu conheço.

      Excluir
    8. É, mas gente inteligente também fala umas m$#¨& de vez em quando.

      O chato é quando gente inteligente nem volta para responder...

      Excluir
    9. @ Tony - muita presunção esta sua afirmação, demasiada rebuscada em superstição, portanto a rejeito por 2 motivos: primeiro: nao o conheco; segundo: pessoas sensatas nao confundem avaliacao com entendimento.

      MM ao chamar o desfile/protesto de patetico e' no minimo uma pessoa insensível and poignantly sad!

      PS- parece que MM sumiu do radar?

      Excluir
    10. MM tem mais o que fazer.

      E poignantly sad é aquele covardão que faz comentários agressivos, mas não tem coragem de assinar seu nome ou colocar sua foto.

      Grow a pair e aí a gente conversa.

      Excluir
    11. Oh!... here you go again with your trash-core classic, lazy and well-worn plot advice about the anonymous zzzzzzzz...., your comment is ever more hallucinatory, a laudable aim, especialmente vindo de uma pessoa como vc que tem o mesmo carisma de um pao de forma!

      Ultimamente vc tem falado muito de balls ne?, porque sera?, parece ate uma divine duty!
      Fico a imaginar vc undulating your tongue and grabing your crotch at any man younger and stupider than your current maridao.

      Looks like that your ageing ass is sinking lower than your popularity ratings, ne?

      Say hi to your friend... o fashion prick.

      Ps- Ka entre nos, nao precisa publicar!, nos bem sabemos quem e' o covardao!

      Excluir
    12. Hmmm... balls... undulating my tongue... grabbing my crotch... pão de forma...

      Excluir
    13. Uee?! no mention of the ratings... sinking... or even the ...ageing?! I wonder why...

      Oh! yes! she mention the pao de forma, the only thing she's able to afford on the "publicitario" wages, foram-se os bons tempos de baguette lifestyle...ne darling!

      Sorry for being so keen to remind you (rs)

      Excluir
    14. you are funny!


      Excluir
  6. Hoje tudo é motivo de processo e agressão tudo mesmo, o mundo está ficando cada vez pior, tudo está sendo levado a ferro e fogo!!!!

    ResponderExcluir
  7. Simplesmente amando o post da Nigatu.

    ResponderExcluir
  8. Quando eu era criança minha família tinha vários amigos negros e nós usávamos expressões como neguinho, negão e crioulo achando que eram termos carinhosos. Na verdade nunca perguntamos o que eles achavam disso.
    Muitas vezes ofendemos sem saber que estamos ofendendo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua família, não, grande parte do povo brasileiro, pelo menos acima de São Paulo, usa essas palavras - e também nega - com sentido carinhoso, e de forma inconsciente.
      Certa vez, em Portugal, uma amigo português observou que, ao relatar fatos, eu incluia uns 'pretos' nas histórias, sem o menor sentido. Fiquei intrigado, mas não consegui esclarecer o comentário. Dias depois, eu contava que a fila do cinema era muito longa e 'tinha neguinho que não ia conseguir entrar...' e fui surpreendido com um 'cá estão os pretos outra vez'. Então fiquei sabendo que eu usava 'neguinho' como pessoa e gente.

      Excluir
    2. E saiba que eles falam "brasileiro" como sinônimo de emergente/novo rico/pessoa com dinheiro mas com mau gosto.

      Excluir
  9. Penso que a agencia de modelos negros, digo, afrodescendentes achou uma oportunidade para se promover na onda do politicamente correto.
    Apenas oportunismo.
    Antonio P. um eurodescendente

    ResponderExcluir
  10. O mio babbino caro
    "...e muitos brancos não viram mal nenhum..."
    Falar de corda em casa de enforcado ou no c* do outro é refresco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim, exatamente. É o que falo logo em seguida no post.

      Excluir
    2. Como será falar de corda no c* do outro?

      Excluir
  11. Anastasia Beaverhausen26 de março de 2013 14:05

    Gozado... quando os gays fazem manifestações surge gente falando em 'patrulha ideológica' e 'politicamente correto'; agora, quando os negros se manifestam a gente vai dizer a mesma coisa deles?
    Se eles se sentiram ofendidos, quem são os brancos para dizer que 'a coisa não é bem assim'?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é isso ai, concordo com vc Anastacia, se os negros se sentiram ofendidos, quem são os "eurodescendentes" pra falar alguma coisa. O próprio autor diz a "dor acontece no calo de quem é pisado"

      Excluir
    2. O problema é que a dívida política com os negros é muito antiga e pesada. E não é só no Brasil...

      Excluir
  12. Tony,

    O problema das ONG's negras com o SPFW começa com a dificuldade absurda dos modelos negros entrarem no casting de modelos. De tempos em tempos vem a historia das cotas, os estilistas resolvem seguir, todo mundo fica feliz, na temporada seguinte todo mundo esquece e os modelos negros desaparecem.

    Tem uns artigos legais sobre a questão negra e a moda brasileira na Internet (principalmente com a historia da coleçao sobre a herança africana da Osklen) que valem a pena de serem lidos. De fazer a gente se sentir na Africa do Sul do apartheid.

    Abraços,
    Fernando.

    ResponderExcluir
  13. "minha família tinha vários amigos negros", AMEEEEI com todas as forças!!!!!! DEFINE o Brasil branco!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como vc acha que eu deveria de expressar?

      Excluir
    2. não deveria ter se expressado!!!!

      Excluir
  14. O mio Babbino caro
    É digno de atenção, 40(quarenta)comentários, e o tema não é "orientação sexual".
    Percebe, a Intelligentsia esvai-se ralo afora. A perda da Casa Grande foi assimilada.

    ResponderExcluir