quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

I DREAMED A DREAM IN CAIRO

Há cerca de dois anos, fiz um certo carnaval aqui no blog em comemoração à Primavera Árabe. Posts como este, saudando a queda de Mubarak no Egito, já soavam meio ingênuos na época. Hoje, então, parecem ter sido escritos por Poliana sob o efeito do MDMA. Em vista das últimas escaramuças no Cairo, o Daniel e o Luciano me enviaram por Facebook este comentário do Arnaldo Jabor aí embaixo, exibido ontem pelo "Jornal da Globo". Achei lúcido e interessante, mas acho que o Jabor passa por cima de duas coisas. Primeiro: ele faz a Primavera Árabe ser "about us", o Ocidente. "A grande mudança foi o fim da nossa ingenuidade..." Não, a grande mudança foi lá mesmo: a juventude árabe descobriu que tem força para derrubar ditaduras. Foram os jovens desempregados que começaram os protestos na Tunísia e no Egito, não a Irmandade Muçulmana - que já estava por lá há décadas mas nunca conseguiu colocar tamanhas multidões nas ruas. E é essa garotada que agora volta a protestar, descontente com o fato do Egito caminhar célere para uma teocracia. Sim, eu e muitos outros estávamos impacientes. Queríamos ver logo democracias florescerem no mundo árabe. Mas este é sempre um processo longo e doloroso: lembremos que, da queda da Bastilha à proclamação de uma república funcional e democrática na França, passaram-se mais de 100 anos. Em outras palavras: "Les Misérables" está acontecendo no Egito neste exato momento. But the tigers come at night...

(E agora um pouco de galhofa: este tumbl'r aqui solta memes com cenas do filme "Les Miz" com diálogos do em-vias-de-se-tornar-um-clássico "Garotas Malvadas", aquele filme sobre meninas de high school escrito por Tina Fey e estrelado por Lindsay Lohan. Foi de lá que tirei a ilustração deste post.)

19 comentários:

  1. A Globo tem um contrato com o youtube para vasculhar qualquer vídeo de sua propriedade e tirá-lo do ar assim que identificado, o que é bem rápido. O interesse é que quem queira ver um vídeo das Organizações Globo, acesse o site das Organizações Globo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas até o ano passado eles disponibilizavam um código para quem quisesse "embedar" vídeos dos telejornais (das novelas, não).

      Agora nem isso.

      Excluir
    2. Ahá! Consegui embedar o vídeo do Jabor.

      O Luciano do "Muque de Peão" me ensinou o caminho das pedras.

      We beat the system!!

      Excluir
    3. A Globo é muito retardada. Em vez de liberar logo na internet e colocar uns assuntos, insiste no próprio canal de vídeos. Shame on Globo.

      Excluir
    4. Menino, vc acha que sabe tudo ne? E acha que esta sempre certo ne?

      Ah se vc soubesse que isso te transforma numa pessoa digna de pena.

      Excluir
    5. HAHAHAHAHA
      Só quem conhece o João pessoalmente sabe o quanto isso é verdade.

      Excluir
    6. Naturalmente, porque ser superficial e reproduzir retorica digna de artigo da Veja faz todo mundo ser mais digno, nao?

      Excluir
    7. Com vcs: Roto & Rasgado. rsrsrsrs

      Excluir
    8. Anônimo, digno de pena é quem toma 5 remédios tarja preta se consultando com um psiquiatra que se coloca todo fds, mora meio mal e ainda acusa outras pessoas de ter cometido crimes (inclusive tendo já sido processado por isso) sem qualquer fundamentação. Isso é digno de pena. Beijinhos, querido!

      Fernando: falou tudo. Clap clap clap.

      Excluir
  2. O Brasil precisa disso uma primavera árabe, e uma revolução francesa com uma guilhotina na frente do Congresso Nacional não faltará espaço para as cabeças deles rolarem naquele espaço todo, bem como na frente de todas as prefeituras por este País todo, fazer uma limpeza geral!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muda para Síria seu BESTA!!!!!

      Excluir
  3. tenho um amigo na Tunisia que, perguntado sobre a revolução, só diz que "nada mudou". A única diferença, segundo ele, é que agora há mais desemprego, já que a tal nova liberdade deu força também aos radicais religiosos, o que espanta os turistas e elimina a fonte de renda de boa parte da população. Realmente aquela parte do mundo não tem conserto...

    ResponderExcluir
  4. Aquilo ali já era causa perdida!!!!! Não tem conserto mesmo!!!!

    ResponderExcluir
  5. O Arnaldo Jabor é um boçal e esse papo de "primavera árabe" é balela criada pelo ocidente. Que "primavera" é essa em que não se vê uma única mulher nos protestos?! Não tem nada de primaveril nesse movimento. I don't buy it.

    ResponderExcluir
  6. Qual a outra coisa que o Jabor passou por cima? Voce somente citou uma.

    ResponderExcluir
  7. Na verdade, eu semrpe achei o Jabur um boçal em todos os termos. Mas ele levantou algo verdadeiro. Sonhamos que a primavera árabe seria um momento único no tempo. Mas Não é bem assim. tem gente oportunista no meio.
    aqui no Brasil mesmo, volta e meia tem um Garotinho querendo levar a coisa no grito. Um Sarney fazendo uma cédula de votaçaõ com 400 páginas só para afrontar o STF.

    Finalmente estamos batendo no limite entre quem ainda se apegava ao coronelismo de antigamente e a nova ordem constitucional de 1988.

    ResponderExcluir