sábado, 8 de dezembro de 2012

A MÁFIA E SEUS HOMENS

E por falar em testosterona, quase todos os personagens de "O Homem da Máfia"são homens. A única mulher com falas é uma prostituta que aparece numa única cena e nem nome tem. E a gente sabe o que rola quando tem muito homem junto, né? Não, não é isto, é sangue. O filme tem cenas de surra memoráveis, com socos tão sonoros que chegam a doer no espectador. Tem também um roteiro que envereda por desvios, alguns mais interessantes do que a trama principal. Brad Pitt não está particularmente bem nem muito bonito, e o final meio abrupto talvez explique porque "O Homem da Máfia" não está arrebentando nas bilheterias. Apesar das sequências fortes, o impacto do filme some mais rápido que a cicatriz de um arranhão.

Um comentário:

  1. Tony, gostei bastante do filme. Ben Meldelsohn está fantástico (e já tinha me impressionado no ótimo "Reino Animal"). Gostei do ritmo e dos diálogos do filme e achei o final excelente.

    ResponderExcluir