quinta-feira, 13 de maio de 2010

ADOTADOS PELA GLOBO

Pronto, tá aí a versão completa do depoimento que foi ontem ao ar logo depois do antepenúltimo capítulo de "Viver a Vida". Mais uma história de casal do mesmo sexo que conseguiu adotar uma criança. Obrigado ao Guga, que mandou o link. E agora dá para no mínimo desconfiar que a Globo, que sempre cortou os beijos gays de suas novelas, adotou a nossa causa e está jogando do nosso lado.

20 comentários:

  1. Já li em mais de um lugar que o Gianecchini não se aguenta mais dentro do armário e nem tem feito mais questão de esconder nada. Essa próxima novela deveria se chamar "Passivone", no dialeto da Lady Katy.

    ResponderExcluir
  2. Não sou de chorar, mas surgiu uma lágrima furtiva ao final do vídeo. Mas espero que isso tudo não seja apenas politicagem por parte da Globo.

    ResponderExcluir
  3. A Globo é a melhor arma de educação em massa que temos. #FATO

    ResponderExcluir
  4. Só faltou o selinho entre os personagens do Lorenzo e do Marcelo Valle. Na novela...quem sabe na sexta tem?

    ResponderExcluir
  5. E mais um ponto positivo. Deixaram esse depoimento exatamente no capítulo onde a novela teve sua melhor audiência até então, média de 48 pontos share de 56!

    ResponderExcluir
  6. Tomara que seja. Mas claro que esta simpatia súbita é apenas tática de mercado, a mesma que já encheu o BBB de gays. Não tem uma novela argentina fazendo enorme sucesso por causa disso? Aposto que vão copiar a fórmula.

    ivan.

    ResponderExcluir
  7. e tudo isso acontecendo às vésperas da parada do orgulho glbtxkyfkgj...
    o único problema é que chegando lá tem aquele povo que usa calcinha. prestando um desserviço à comunidade glbtsdfhwçuijskdf...

    ResponderExcluir
  8. @Daniel: Olha a responsabilidade jurídica, hein! :D

    ResponderExcluir
  9. O vídeo realmente foi muito fofo. Até eu, que ODEIO criancas (my ass ter um pirralho me enchendo o saco em casa, abrindo os meus potes de creme, me fazendo desistir das minhas viagens exóticas ao redor do mundo para ter que ir ver o Pateta na Disney), fiquei tocado com a história deles. Escutei a minha mae, que um dia veio com essa história de que uma crianca precisa 'de um pai e de uma mae', engolir em seco e se emocionar com a história também.

    E sobre ser ou nao ser politicagem, who cares? Vocês acham que as mulheres conseguiram o que queriam só por "boa vontade" ou porque comecaram a serem reconhecidas como mercado potencial? Enfim, o que importa sao os resultados...

    ResponderExcluir
  10. E este mesmo casal, participou do programa Happy Hour do GNT na semana passada. Ele entrou ao vivo, via skype contando a tragetoria para a adoção

    ResponderExcluir
  11. Muito foda o depoimento, adorei.

    ResponderExcluir
  12. Acho que esse é o melhor caminho da mídia pra tratar da questão gay nesse momento. São os primeiros materiais da Globo que apelam para a emoção quando tratam da questão gay, mostrando de uma forma ultra-positiva.

    Dizem por aí que não se deve mostrar só o lado positivo. Mas hoje o preconceito e a homofobia já têm por si só um estigma negativo no senso comum, que exaltar tanto esse lado positivo pode fazer com que as pessoas se tornem verdadeiramente a favor da causa gay. E aí sim, daremos mais um passo, porque não é preciso apenas superar a homofobia: queremos que a temática gay seja tão presente nas mídias e nas vidas cotidianas das pessoas quanto a heterossexualidade é (por imposição).

    ResponderExcluir
  13. Tony - Porra, foda.

    Até achei meio forçado o depoimento em alguns momentos, mas precisa ter um coração de granito pra não se emocionar no final.

    E, Tony, costumo discordar de muita coisa que você escreve aqui, mas você está completamente certo quanto ao Profissão Repórter. Assisti ele por inteiro aqui no seu blog e, taqueopariu...best. gay. advertising. EVER. Eles até tocaram no vespeiro dos planos de saúde!

    Cassio - Cara, se você acha que quem vai pra Parada está "prestando um desserviço à comunidade", então apareça por lá e leve muita gente com vocÊ. Seja a imagem que você acha que falta. Criticar outras pessoas que estão dispostas a dar a cara pra bater é muito fácil.

    ResponderExcluir
  14. Muito fofo... mais fofo é o maridinho dele... ai, falei!

    ResponderExcluir
  15. james;
    só pra constar:dou a minha cara pra bater diariamente no trabalho,na academia,na reunião de condomínio...
    e eu vou na parada sim,e com meu namorado.

    ResponderExcluir
  16. Bem, sendo um pouco espírito de porco, mas deve ser a Globo querendo exorcizar os maus fluidos do tal Dourado de lá. rsrrsrs

    Mas nunteressa, o que vale é que faltando 5 minutos para um jogo de fuebol a Globo coloca em REDE NACIONAL um depoimento desses!!!

    Gentem, a Globo é GAY! rsrsrrs

    ResponderExcluir
  17. Realmente esta da Globo eu não esperava, valeu!!

    ResponderExcluir
  18. Minha felicidade é a certeza que em não mais que 20 anos sentiremos, nós todos, vergonha de um passado de homofobia, tal qual sentimos em relação ao racismo, com uma nova geração se perguntando: "Como eles puderam ter sido tão ignorantes?". E tudo o que vivemos hoje será passado. Temos um belo futuro! Acredito piamente nisso.

    ResponderExcluir
  19. Nao a Globo e sim a Manoel Carlos...ele tinha um filho gay,q morreu de HIV...entao abraca sempre as causas relacionadas ao universo gay

    ResponderExcluir