quarta-feira, 4 de novembro de 2009

O DIA T

Eu estava louco para ver "O Dia da Transa" desde que postei o trailer do filme aqui no blog, já faz alguns meses. Como eu disse na época, "Humpday" (o título original) parecia confirmar aquela manjada teoria de que todo mundo é gay - só falta um empurrãozinho. Acontece que "O Dia da Transa" não é exatamente sobre sexo. É sobre as escolhas que fazemos na vida, e sexualidade, como sabemos, não se escolhe. Ben está casado e feliz, mas ao reencontrar seu amigo Andrew, solteiro e bon vivant, faz questão de mostrar que não se acomodou, e que ainda é o maluco dos tempos da faculdade. E a melhor maneira de provar isto é rodar um filminho para um festival pornô, transando com o amigo. Os dois são héteros, mas é justamente isto o que fará do filme uma "obra de arte". Os atores são incríveis, e os diálogos perfeitos a ponto da gente acreditar que aquelas pessoas "normais" se viram mesmo nesta situação improvável. O roteiro poderia ser facilmente adaptado para uma boa peça de teatro. Aliás, a plateia da Mostra ria aos borbotões: atenção, distribuidores, "O Dia da Transa" é sucesso garantido.

2 comentários:

  1. Opa Tony, vc sabia q Humpday tá saindo em DVD nos EUA em 12 dias?

    http://www.amazon.com/Humpday-Mark-Duplass/dp/B002LBKDZ8/ref=sr_1_1?ie=UTF8&s=dvd&qid=1257388319&sr=1-1

    ResponderExcluir
  2. Humpday está nesse momento no meu computador, mas só vou vê-lo no fim de semana. Depois digo o que achei.

    bj

    ResponderExcluir