quinta-feira, 22 de outubro de 2009

PEQUENOS CORAÇÕES

Já comeu dim sum? São os equivalentes chineses das tapas espanholas, ou dos petiscos de boteco brasileiros. Pequenas porções de trouxinhas, rolinhos, almôndegas. Recheadas com quase tudo o que há sobre a face da Terra: carne de porco, frango, camarão, verduras, frutas, whatever, em combinações surpreendentes e muitas vezes picantes. Hoje fui com a Marta Matui e mais uma amiga conhecer o Ping Pong, a filial paulistana de uma cadeia inglesa de restaurantes especializados em dim sum. O nome chinês quer dizer "pequeno coração", ou "tocar o coração". Na China eles são mais consumidos no café da manhã, sempre acompanhados por muito chá. No Ocidente desvirtuamos um pouco a proposta, mas tudo bem: fizemos pior com os sushis, que no Japão são salgadinhos de festa (o equivalente japonês seria um restaurante que só serve croquetes e empadinhas). Enfim, comemos bem à pampa, e ainda finalizamos com maravilhosos flowering teas. Maravilhosos de ver, não de tomar - o gosto é de água de vaso fervida. Ah, e o preço é bem mais acessível do que a elegância do lugar faz supor. Mas claro que, sendo comida chinesa, no final da tarde eu já estava morrendo de fome.

6 comentários:

  1. E eu ADORO dim sum!! Vem aqui em casa (Hong Kong) q te levo pra comer os melhores hehehehe

    ResponderExcluir
  2. Da próxima vez que for à Paris, vá ao Chez Tsou na Rue des Archives. Melhores Dim-Sums do mundo (que eles insistem em chamar de assortiments pékinoises)! E quando Mme Tsou vai com a sua cara, o aperitivo também é dos deuses.

    ResponderExcluir
  3. um amigo foi e adorou.
    adoro dim sum, mas evito ir em restaurante no itaim, sempre tem um público HT estranho [sim, é preconceito meu mesmo...]

    ResponderExcluir
  4. Eu também fiquei com fome depois! Ainda bem que estava na pesquisa e comi empadinhas das donas de casa.

    ResponderExcluir
  5. Não fiquei cheteada porque vcs não me convidaram.

    ResponderExcluir
  6. Eu fui logo que inaugurou e fiquei meio decepcionado, o que salva é a qualidade dos dim sums.

    Metade do cardápio ainda não estava disponível, e pra realmente sair de lá satisfeito eu não achei nada barato: 75 reais por cabeça.

    ResponderExcluir