segunda-feira, 8 de junho de 2009

NÃO RESTA A MENOR DÚVIDA

Muita gente não se incomodou com o infame comercial de Doritos. Diziam que não era homofóbico, e que “Y.M.C.A.” é só uma música antiga, fora de moda. A própria assessoria de imprensa da Pepsico usou essa tese, jurando que a marca jamais teve a intenção de discriminar os homossexuais. Pois bem: o infame comercial acaba de ser incluído no Anuário do Clube de Criação de São Paulo, a premiação mais importante da propaganda brasileira, onde os vencedores são escolhidos por um júri de criativos. E para inscrever uma peça no Anuário, cada agência tem que preparar um pequeno texto descrevendo-a. Quer ver como ficou a descrição do infame comercial de Doritos?

"O filme "brinca" com o fato de que não é tudo que devemos dividir com os amigos. Vemos um grupo de jovens andando de carro e dividindo um salgadinho Doritos. No rádio toca "YMCA" - música do Village People, mundialmente conhecida como símbolo gay. De repente, o rapaz ao lado do motorista se empolga com o som e começa a balançar a cabeça no ritmo da música. Logo em seguida "se solta" e acompanha a música em uma coreografia para espanto geral dos outros três rapazes, que se entreolham meio desconfiados. Assinatura: Divide um Doritos.".

Sim, este é o texto elaborado pela Almap/BBDO para descrever o filme “Y.M.C.A.”. Quando não tem o Conar olhando, a agência assume tranquilamente que a música é “mundialmente conhecida como símbolo gay”. Bom, o próprio Conar reconheceu que o filme é homofóbico, e só o liberou por causa de uma bastante discutível “liberdade de expressão”. Então agora eu também vou me expressar livremente: vão se fuder, Almap e Pepsico, sua cambada de filhos da puta. Tão pensando que a gente é idiota? Vão tomar no centro dos seus cus. Com areia. Seus merdas.

ADENDO: Preciso fazer uma correção. Acabei de saber que a descrição do filme de Doritos NÃO foi feita pela Almap/BBDO. O Clube de Criação contrata redatores free-lancers para escrever estes textos. Ou seja: NÃO foi a própria agência que admitiu que "Y.M.C.A." é um "símbolo gay". Isto não diminui o teor homofóbico do comercial, já que esta interpretação é perfeitamente possível - tanto que foi assim que entendeu o redator que escreveu a descrição. O pessoal do clube diz que este texto vai ser corrigido antes de ser publicado no Anuário. É pena: o que devia sair do Anuário era o próprio filme de Doritos.

43 comentários:

  1. e mais...

    Cambada de escrotos... desgraçados malditos... fuleros nó cegos... zé ruelas...

    ResponderExcluir
  2. JESUS LUZ.......O QUE FOI ISSO...
    IVETE RODOU A BAIANA....KKKK

    ResponderExcluir
  3. E agora como ficam as bees compreensivas do deixa pra lá?

    Boicote já a todos os produtos Pepsicú e a outras empresas que tem conta na Almap. Já não estava consumindo, agora vou redobrar a atenção.
    A parada vem aí.Queimem Doritos em praça pública.
    Tem como fazer essa inscrição homofóbica chegar a Pepsico EUA?

    ResponderExcluir
  4. É...

    Simples, não coma essas porcarias de salgadinhos porque dão celulite na bunda e viado usa muito a bunda.

    Pronto.

    ;-)

    ResponderExcluir
  5. Merecem um tiro na boca!!! Afffff!!! Falei!!

    ResponderExcluir
  6. O dano que este tipo de preconceito insidioso veiculado por um comercial com mensagem subliminar pode fazer na cabeça de um jovem em fase de afirmação sexual pode ser muitas vezes maior que um grito claro de "veado!!" na rua. É realmente lamentável.
    .
    *

    ResponderExcluir
  7. O plano deve ter sido esse desde o início né? Incluir esse comercial ridículo no anuário e ser premiado, um grupo de viadinhos da internet quase conseguiu acabar com os planos. Reconhecer erro? Voltar atrás? Fazer uma campanha ou mesmo um pronunciamento se desculpando pela homofobia cometida? Mas nem fudendo!A gente gastou dinheiro pra caraleo com essa propaganda de merda nao podemos perder a oportunidade, misteriosamente o conar liberou o uso da propaganda vergonhosa.

    ResponderExcluir
  8. Agrediuuuu Tony Franja..eu com minha singela inoncencia fui um dos q comenteii q o anuncio nao tinha nada de homofobico e tal q a maldade estava na cabeca das gays...retiro o q eu disse,a humanidade e´escrota mesmo,o negocio agora e´bocaboca pra vizinha ,amiga e etc"Meninaaaa vc nao sabia q Doritos da cancer?? e q Pepsi tira o tesao??"darling mexeu ,levou...
    anonimmo carioca in Munchen

    ResponderExcluir
  9. Só ouvindo uma música do Cazuza...

    Hipocrisia!

    ResponderExcluir
  10. q engraçado essa biluzada "super engajada" q boicota a Pepsi e faz festinha(q exclui quem naum for reeka e pheeena) num lugar cuja proprietaria eh uma criminosa !!!!!!!
    doritos de cu eh rola e a raivinha de biluzada classe média alta de cu tb eh rola!!!
    pedro

    ResponderExcluir
  11. não é possível que não tenha uma bicha escrota por trás disso. elas existem e algumas são até homofóbicas. não sejamos inocentes. por que YMCA?

    ResponderExcluir
  12. Q CARA DE PAU!!!!

    Quem eh o diretor/CEO de marketing dessa jossa???
    Nao soh falando da conduta desrespeitosa da PEPSICO com os consumidores, mas q nivel de profissionalismo essa "agencia de publicidade" tem hein??
    E mais, q nivel de BURRICE em assinar uma confissao assim!

    Nao tem como reabrir a acao no Conar?

    Nao gasto um centavo com os produtos dessas marcas.

    ResponderExcluir
  13. Doritos eu não como nem fodendo. Acho uma merda. Mas eu adoro o sabor da Pepsi Light... agora vou ter que comprar Coca mesmo. Humpft!

    ResponderExcluir
  14. BOM, SEM O QUE DIZER: CANALHAS! MAS A GENTE MERECE. MUITOS ACHARAM QUE ERA FRESCURA RECLAMAR DO DORITOS. CONTINUEM SE ENTUPINDO DE ISOPOR CAMBADA!

    VERGONHA DOS PUBLICITARIOS BRASILEIROS. POUCOS SE SALVAM!

    ResponderExcluir
  15. tony, vamos fazer um comercial paródia desse, com a assinatura "não divida seu pink money com doritos"? ou algo assim?

    ResponderExcluir
  16. REVOLTANTE!!!

    Querem agir?
    Vamos twittar! Vamos espalhar esta historia e nossa revolta pelo twitter; vamos escrever para cada cliente da ALmap/BBDO mostrando que nao somos idiotas e que consideramos que qq marca ligada a agencia é homofobica tb; vamos escrever pro clube de criadores e exigir o cancelamento da inscricao; vamos usar a poderosa rede social para fazer algo.

    10 minutos por dia! e mais nada, com todo mundo fazendo um texto de revolta, algo deve acontecer.

    Eu ja comecei! no blog, no twitter, no facebook, ja escrevi ra agencia e pro CCSP, e estou comecando a escrever pro primeiro cliente da agencia.

    :(

    odio destes filhos da puta!

    ResponderExcluir
  17. Olá Tony...
    Até agora tinha lido pouco coisa e nem o comercial eu assisti.
    Mas resolvi dar um pouco de atenção ao caso e digo o seguinte: A AlmapBbdo já tem ficha corrida extensa qundo o assunto é comerciais que beiram o preconceito. Essa é a mesma agência que no passado fez um comercial para a Volkswagen e gerou protestos por parte da Associação da Parada. O comercial foi retirado do ar e eles se retrataram publicamente.
    Pelo visto o tempo passou e eles não aprenderam a lição. Tem que reclamar sim!!! E muito!

    ResponderExcluir
  18. Poisé pessoal, e no clube mais venerado do Brasil, o contrato "milionario" de consumo é com a PEPSI e toda a sua ampla linha de produtos horrorosos... dá pra aguentar??? FRANCAMANETE, se como compradores de bar eles nao tem gosto, pelo menos responsabilidade social poderiam ter... Tony, voce que é proximo da japa, da um toque nela??? Mas com o dedo médio, ok?

    ResponderExcluir
  19. Tony: valeu pela informação tão séria e grave! Particularmente, fiquei com uma tremenda sensação de mal estar. Um misto de vergonha alheia (pelos publicitários que bolaram a propaganda) com a certeza de que falta um longo caminho para uma vida realmente plena como gay. Tento sempre me divertir com as pequenas misérias do cotidiano, mas coisas assim me assustam. Sinto que ultrapassaram todos os limites e o caso é bem mais grave que uma mera piada sem graça. Triste, muito triste!

    ResponderExcluir
  20. Na hora de correrem atrás do pink money todos são bonzinhos, mas quando não são o público alvo, ai obram e andam sobre nós.

    A Almap deveria ter tido um mínimo de noção e abafado o caso ao invés de inscrevê-lo em um anuário (até porque o comercial é beeeem fraquinho).

    ResponderExcluir
  21. além de homofóbicos, medíocres
    que texto mais mal escrito
    do tipo juvenil e que intitula seu leitor de burro

    cansei de doritos!

    ResponderExcluir
  22. Acho que nem todo mundo entendeu, o comercial não foi somente inscrito, ele foi um dos premiados na categoria TV/Cinema no 34º Anuário da CCSP.

    ResponderExcluir
  23. Sim, foi premiado. O Anuário tem quatro níveis de premiação: ouro, prata, bronze e "Anuário", as peças que o júri acham que merecem registro para a posteridade. O filme "Y.M.C.A." pegou "Anuário".

    ResponderExcluir
  24. Freelancer de cú, meu bem, é rola!! Boicote à PEPSICO já!! Agora só tomo Guaraná e só como dogão no carrinho da esquina. Um beijo e me liga, fio!!

    ResponderExcluir
  25. Vamos só lembrar os produtos pepsico para passar longe,
    Lipton
    H2oh
    Elma chips
    Todynho
    Coqueiro
    Pepsi
    Quaker
    Gatorade
    Não compre e deixe claro aos proprietários dos estabelecimentos onde os gays tem grande influência, que não voltará a frequentá-los se mantiverem produtos dessa empresa a venda.

    ResponderExcluir
  26. O VT deixa dúvidas se o consumidor de Doritos é tão babaca quanto o consumidor de Pork's 1,2,3. O conceito (se existe) está todo aí, na inocente Sessão da Tarde diária.

    ResponderExcluir
  27. Agora só quero ver as bunitas deixarem de tomar gatorade com gi na buati!!!!!

    ResponderExcluir
  28. Putz, que escorregada, hein? E culpar freelancer... Na boa, é o mesmo que colocar a culpa no mordomo. Como a própria agência de Publicidade não revisa a sua própria imagem? E que freelancer foi esse que não ficou a par de todo o bafafá de antes? Mingana...

    ResponderExcluir
  29. não vou mandar levar uma mão inteira no meio do cu porque muitos iriam gostar mas o que estes infelizes merecem é comer areia.
    nenhum centavo do meu bolso irão contabilizar, mesmo porque nao estou acostumado com este monte de junk food ou melhor BOSTA!
    deixo todos os doritos para eles, passo...

    ResponderExcluir
  30. Que catarse heim pessoal...
    Delicia... hauhauahauahau
    Agora, falando sério... precisamos nos revoltar, tambem de forma coletiva, com aquilo que fazem os programas pseudohumorísticos detonando os gays sem dó nem piedade... É patético e preocupante ver uma vovó de 80 anos e uma criança de 5 rindo dessas palhaçadas
    Fora Casseta, fora Zorra Total e todo esse lixo que fazem por ai e ousam chamar de humor!!! So se for humor de merdaaaa...
    Falei!!!!

    ResponderExcluir
  31. A inversão de valores é tanta que esses Pepsicopatas acabam tentando fazer um discurso de vítima, como se fossem paladinos do respeito às minorias, não falta muito pra eles exigirem da comunidade gay um pedido de desculpas por terem sido acusados "levianamente" de criar publicidade homofóbica. O curioso é que tudo lá, segundo a interpretação deles, passa despercebido: ninguém se tocou de que a música do comercial tinha forte apelo gay, ninguém percebeu o texto que introduzia o comercial na premiação do Clube de Criação, ninguém no tal clube fez revisão do tal texto do freelancer...Só tá faltando eles falarem que nem sabiam que existe gay e preconceito no mundo. Vir a público e assumir que - mesmo sem intenção - o comercial ficou feio e que vão deletar, isso ninguém tem culhão.

    ResponderExcluir
  32. Olha , to começando a sentir pena. Que empresa(Pepsico) é burra o suficiente para gastar milhares de reais em uma propaganda feita por uma empresa(almap)que não sabe o que está fazendo? É fácil enganar otário nesse mercado publicitário hein!!

    ResponderExcluir
  33. Péssimo mesmo. Se alguma ONG LGBT trabalhasse direito, poderia fazer uma nota pública e enderçar uma carta à matriz da empresa. Enfim...

    ResponderExcluir
  34. Então "liberdade de expressão" permite que esses infelizes ofendam um grupo para vender salgadinho. Affe...

    ResponderExcluir
  35. ontem assistindo o programa toma la da ca lembrei desse comentario do anonimo acima. como eles achincalaram e ridicularizaram as entendidas. a palavra sapatao foi dita de forma perjorativa mais de 30 vezes. realmente um absurdo claudio

    ResponderExcluir
  36. Antes, se eles tinham intenção ou não de serem preconceituosos, a verdade é que foram e não são idiotas a ponto de não saber a leitura que ia gerar a propaganda. Agora, depois que você achou isso, podemos dizer que entre intenção e gesto não há nenhuma distância: gays são motivo de piada e humilhação para esses caras, e tudo já calculado pra ser assim. Muito bom você ter encontrado isso e trazido à luz, Tony! Meus cumprimentos!

    ResponderExcluir
  37. ah, o q esperar de um produto como esse que só serve pra engordar(principalmente o bolso do FABRICANTE) e não alimenta nada??só ajuda os estados unidos a virarem um país de obesos.
    só me choca mesmo vir de uma classe, os publicitários, em que até os (poucos, muito poucos) heteros dão mooooita pinta...ou alguém aqui já conheceu algum publicitário machão, esbanjando virilidade?? eu nunca!!
    p.s. não é preconceito mas simples CONSTATAÇÃO.

    ResponderExcluir
  38. Só mais um comentário, Que filhos da PUTA , e ainda querem convencer que NÃO FOI A INTENÇÃO!!

    PORRA de boas intenções o inferna tá cheio...

    Vai pro inferno seu bendo de homofóbico filho da puta!


    Para mostrar classe:

    Cordiais saudações;

    MAGNUS

    GAY COM ORGULHO!!

    ResponderExcluir
  39. Ultrapassaram todos os limites!!!
    Deveríamos aproveitar os mais de um milhão nas ruas, nos próximos dias, e fazer um "protesto"....

    ResponderExcluir